O que é a Síndrome de Tourette e quais são suas causas?

crianças

Transtorno neuropsiquiátrico é caracterizado por tiques motores e vocais que se iniciam na infância

Piscar repetidamente, fazer caretas, balançar a cabeça, gritar ou falar palavras inadequadas e ofensivas — esses são todos sintomas da Síndrome de Tourette, que acontecem involuntariamente. Trata-se de um distúrbio neuropsiquiátrico, caracterizado por tiques múltiplos, motores e vocais.

Presente em 0,6% da população mundial, a Síndrome de Tourette se inicia antes dos 18 anos de idade (normalmente entre os quatro e os seis anos) e os tiques devem permanecer por mais de um ano para o diagnóstico. E essa é a situação da cantora Billie Eilish e do youtuber Dilera.

Os sintomas são divididos entre motores e vocais e entre simples e complexos, sendo os simples mais frequentes. São outras manifestações do transtorno:

> Tossir, fungar ou limpar a garganta, além de outros ruídos (tiques vocais simples);
> Falar frases, repetir a fala dos outros e até mesmo falar palavrões (tiques vocais complexos);
> Estalar a mandíbula e contrair músculos do abdômen e de outras partes do corpo (tiques motores simples);
> Tocar ou bater em objetos próximos, tropeçar propositalmente, pular (tiques motores complexos).

Os tiques aumentam sua gravidade ao redor dos 10 a 12 anos de idade e pioram com o estresse. Por causa do constrangimento causado em meios sociais, é recorrente que o portador da Síndrome de Tourette tenha sentimentos de fobia social, ansiedade e irritabilidade.

Entretanto, as causas da Síndrome de Tourette ainda são desconhecidas pela ciência, embora estejam relacionadas à hereditariedade comuns a outros transtornos: déficit de atenção e hiperatividade (TDAH), transtornos de aprendizagem e transtorno obsessivo-compulsivo (TOC).

Apesar de não ter cura, a Síndrome de Tourette pode ser controlada com o acompanhamento de um neuropediatra ou psiquiatra especializado. São esses profissionais que podem diagnosticar o transtorno e orientar para a medicação adequada.

Para o diagnóstico ser feito, outros critérios são considerados. Os tiques motores e vocais devem permanecer durante um período, mas não necessariamente ao mesmo tempo e acontecer diversas vezes por dia de forma quase que diária.

Olá!

Este é o blog Vida Saudável, um espaço focado nas melhores dicas e informações sobre saúde e bem-estar, tudo com a assinatura da gestão Pró-Saúde.

Aproveite!


Últimos posts