Pronto-Socorro Engenho Novo faz controle periódico da qualidade da água

O Pronto-Socorro Engenho Novo realizou, no dia 10 de fevereiro, coleta da água potável para apurar se o nível de pH (potencial de hidrogeniônico) segue adequado.

O monitoramento periódico é preventivo e visa garantir a qualidade da água utilizada no consumo diário da unidade.

O laudo com o resultado da análise, entregue no dia 21, atestou que a água consumida pela unidade está adequada aos padrões exigidos pelo Ministério da Saúde, que recomenda pH entre 6 a 9,5.

Os quatro pontos de coleta da água tiveram pH variando entre 7,18 a 7,78.

O monitoramento é um trabalho coletivo feito pelos setores de Hotelaria, Qualidade, SCIH (Setor de Controle de Infecção Hospitalar) e SESMT (Serviço Especializado em Engenharia de Segurança e Medicina do Trabalho).

Julieta Bortolace, técnica de Segurança do Trabalho, afirma que a análise do pH da água é extremamente importante porque assegura sua qualidade microbiológica de abastecimento da unidade, além de preservar a saúde dos pacientes e colaboradores.

A análise da água segue um cronograma anual e é feita todos os meses, abrangendo vários setores da unidade, em pontos de coleta diferentes.

Além do controle de qualidade da água, o Pronto-Socorro Engenho Novo também realiza a higienização da caixa d’água e a troca dos filtros dos bebedouros a cada seis meses.

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of