No Novembro Roxo, mães participam de oficina lúdica no Materno-Infantil de Barcarena

Novembro Roxo

A ação para confecção de gravatas e tiaras envolveu mães de bebês prematuros das Unidade de Terapia Intensiva e Unidade Cuidado Intermediários da maternidade

Os bebês prematuros internados nas unidades de terapia do Hospital Materno-Infantil de Barcarena Dra. Anna Turan (HMIB) receberam um presente especial esta semana. Em alusão à campanha Novembro Roxo, os pequenos ganharam gravatas e tiaras confeccionadas pelas mamães.

A ação, com a oficina de artesanato, tem objetivo de chamar atenção, de forma lúdica e humanizada, ao mês internacional de sensibilização à prematuridade. Por meio da produção de acessórios, as mães de bebês prematuros se tornam parte integrante dos cuidados e tratamentos dos recém-nascidos.

“Além de envolver as mães na causa, queremos proporcionar um momento de descontração e relaxamento”, explica Heloísa Santos, terapeuta ocupacional da Pró-Saúde, gestora do hospital. “Mães de prematuros passam muito tempo no hospital acompanhando eles ganharem peso ou algum tipo de tratamento, o que causa ansiedade e estresse. A oficina minimiza os efeitos negativos da hospitalização”, complementa a profissional.

De acordo com Heloísa, que atua no HMIB, além de ser um atendimento humanizado às mães, o presente que elas fazem é um símbolo da atenção e cuidado aos prematuros em atendimento na Unidade de Terapia intensiva (UTI) e Unidade de Cuidados Intermediários (UCI), fortalecendo o vínculo entre mãe e filho.

Para Miqueline Alho, moradora de Cametá, que está há 37 dias acompanhando o filho Dom na UCI, a prematuridade é uma experiência desafiadora, mas que é minimizada com a oficina.

“É a primeira vez que passo por isso, e conto os dias para o Dom ganhar peso, respirar bem e ir para casa. É muito difícil ficar bem com um filho lutando pela vida. É na oficina que eu fico alegre, converso com as outras mães, me distraio um pouco. Fiz uma gravata para o Dom, primeiro presente de muitos, e me sinto bem melhor. Ele ficou lindo nas fotos”, disse emocionada.

Com a vestimenta personalizada, as mães fizeram um book fotográfico com os filhos ainda no início da vida, que será exposto no Mural Digital do Plantar no HMIB, para usuários e colaboradores. A ação faz parte da programação especial de Novembro Roxo que será realizada durante todo o mês, com atividades e ações voltadas para prevenção da prematuridade.

“Queremos ressignificar esse momento, pois muitas mães idealizam uma maternidade saudável, e a prematuridade muda esse cenário. Temos bebês que nascem muito pequenos e podem passar até meses internados, e a fisionomia muda com o tempo. É uma forma de guardar uma lembrança do nascimento para mostrar à família”, conta Daniella Dias, psicóloga do HMIB.

“A oficina é mais uma oportunidade de permitir que a mãe tenha condições de ficar internada para acompanhar o filho prematuro o tempo todo, possibilitando um espaço mais acolhedor”, enfatiza Daniella.

Campanha Novembro Roxo

A campanha Novembro Roxo, com o tema “Separação Zero”, faz um alerta sobre o crescente número de partos prematuros, como preveni-los, e informa a respeito das consequências do nascimento antecipado para o bebê, para sua família e para a sociedade.

Com a pandemia, durante um longo período houve restrição do livre acesso do pai às maternidades em todo o Brasil, por outro lado, também houve receio de mães estarem no ambiente hospitalar. A campanha incentiva o livre acesso ao pai, e as melhores condições para a mãe permanecer internada 24h com o bebê.

“O tema deste ano, ‘Separação Zero’, remete a essa aproximação e fortalecimento do vínculo. No Materno-Infantil de Barcarena mantemos pais e filhos sempre juntos, pois como Hospital Amigo da Criança promovemos essa relação para melhoria no desempenho no tratamento do bebê prematuro”, afirma Joice Vaz, diretora assistencial.

O Hospital Materno-Infantil de Barcarena Dra. Anna Turan é uma unidade do Governo do Pará, gerenciada pela entidade filantrópica Pró-Saúde desde 2018. O HMIB está localizado a 114 km distante da capital Belém e realiza atendimentos de média e alta complexidade gratuitos, por meio do Sistema Único de Saúde (SUS).

No último mês de agosto, o HMIB se tornou o primeiro hospital da Região do Baixo Tocantins a receber o selo Amigo da Criança, concedido pela Iniciativa Hospital Amigo da Criança (IHAC), Unicef (Fundo das Nações Unidas para a Infância) e OMS (Organização Mundial da Saúde), aos hospitais que realizam o cumprimento dos dez passos para o sucesso do aleitamento materno.

Ampliar fonte
Contraste