Hospital Metropolitano entra na campanha contra o câncer de mama no “Outubro Rosa”

Pelo segundo ano consecutivo, o Hospital Metropolitano de Urgência e Emergência (HMUE) adere ao movimento Outubro Rosa, que estimula a participação da população no controle do câncer de mama. O prédio da unidade, localizado em Ananindeua (PA), foi colorido com luzes rosa para lembrar que a conscientização sobre a doença e o acesso aos serviços de tratamento contribui com a redução da mortalidade.

Além do gesto simbólico, o HMUE, que é gerenciado pela Pró-Saúde Associação Beneficente de Assistência Social e Hospitalar sob contrato de gestão com a Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa), preparou uma programação para orientar usuárias e colaboradoras sobre a doença. No dia 20/10, a partir das 10h, a unidade oferecerá a colaboradoras e usuárias palestras educativas com profissionais da Faculdade Cosmopolita, que farão dinâmicas para estimular a participação do público na ação. A programação segue no dia 26/10, com uma roda de conversa para colaboradoras comandada por representante do Núcleo de Apoio à Gestão na Atenção a Mulher (NAGAM) da Sespa. A atividade também está marcada para as 10h.

Os números do Departamento de Informática do Ministério da Saúde (Datasus) atestam que no Pará, o câncer de mama já causou a morte de 2,8 mil mulheres, entre os anos de 1996 e 2014.  De acordo com o Instituto Nacional do Câncer (INCA), mais de 57 mil novos casos de câncer de mama serão diagnosticados no Brasil em 2017.

O Sistema de Informação de Mortalidade (SIM), do Ministério da Saúde, aponta o câncer de mama como a segunda causa de óbito em mulheres. A primeira é o câncer de colo do útero.

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of