Home » Hospital Bom Pastor alerta gestantes sobre a importância do pré-natal
Hospital Bom Pastor

Hospital Bom Pastor alerta gestantes sobre a importância do pré-natal

A unidade, referência para a população indígena, é a única maternidade do município e já realizou mais de 820 partos neste ano

O Hospital Bom Pastor, única maternidade do município de Guajará-Mirim, alerta para a importância da realização do pré-natal corretamente durante a gestação. A unidade é referência para o atendimento da população indígena de 54 aldeias na região Norte do país, e já realizou, de janeiro a setembro deste ano, cerca de 820 partos.

Realizado na rede básica de saúde dos municípios, o pré-natal é fundamental para detectar doenças pré-existentes na mulher, como anemia e diabetes, e acompanhar o desenvolvimento do bebê, por meio de consultas e exames regulares. O Ministério da Saúde recomenda que as consultas do pré-natal sejam feitas pelo menos seis vezes durante a gestação, sendo uma no primeiro trimestre, duas no segundo e três no terceiro, além de uma sétima consulta em até 42 dias após o parto.

Segundo artigo publicado pela revista científica Caderno de Saúde Pública (FIOCRUZ), apenas 30% das mulheres indígenas aldeadas realizam o exame nos primeiros três meses da gestação. “É muito importante que as gestantes tenham informação e acesso ao pré-natal, pois com ele é possível detectar e tratar alterações do feto durante a gravidez, proporcionando mais segurança no momento do parto, tanto para o bebê, quanto para a mãe”, orienta a médica Márcia Guzman, diretora Técnica do Hospital Bom Pastor.

Além disso, o exame e consulta médica de rotina auxiliam a gestante a manter uma gravidez mais saudável, esclarecendo dúvidas sobre as mudanças no corpo, o desenvolvimento do bebê, a importância da amamentação, além de prepará-la para o momento do parto e pós-parto. O pré-natal evita ainda riscos de hemorragias graves e pré-eclâmpsia, principal causa de mortalidade no Brasil.

“Aqui no Bom Pastor temos uma equipe multiprofissional capacitada para atendimento às gestantes e assumimos um compromisso com o parto humanizado”, ressalta Geraldo Fonseca, diretor Hospitalar. “No ano passado, tivemos até mesmo um parto natural de trigêmeos, que gerou repercussão nacional”, relembra o diretor.

O Hospital Bom Pastor é uma unidade própria da entidade filantrópica Pró-Saúde, uma das maiores no ramo de gestão hospitalar no país. Referência para atendimento de cerca de seis mil indígenas na região Norte, possui estrutura direcionada para esta população, integrando redes de balanço nas enfermarias, profissionais fluentes em dialetos indígenas e uma oca na parte externa.

A unidade, localizada na Avenida Pimenta Bueno, 663, no Centro de Guajará-Mirim, fronteira com a Bolívia, presta atendimento gratuito via Sistema Único de Saúde (SUS), mediante contrato com entes públicos.

Ampliar fonte
Contraste
Voltar para o topo da página - Pró-Saúde