Home » Higiene das mãos é tema de atividade no Hospital de Campanha do Hangar
Hospital de Campanha do Hangar

Higiene das mãos é tema de atividade no Hospital de Campanha do Hangar

Ação que contempla a Semana de Enfermagem da unidade hospitalar, que é referência no tratamento contra a Covid-19 no Brasil, reuniu os profissionais da saúde em um ambiente de aprendizagem

Sendo um dos principais meios de contaminação, as mãos precisam de atenção quando o assunto é higiene e a importância da limpeza correta. Pensando nisso e para reforçar o debate acerca da temática, profissionais de saúde que atuam no Hospital de Campanha do Hangar, em Belém, participaram de uma dinâmica educativa em alusão ao Dia Mundial da Lavagem das Mãos, celebrado em maio.

Entre os objetivos da ação está, também, dar ainda mais qualidade aos serviços assistenciais, tanto para o paciente quanto para os profissionais que estão na linha de frente do combate à Covid-19. “Nossa missão é atender com qualidade e segurança e, assim, oportunizar a melhor experiência possível para o paciente que necessita desta modalidade de atendimento. Os protocolos são amplamente discutidos com as equipes e estão sempre alinhados com o objetivo de fortalecer a assistência. Todas as ações estão voltadas para o cuidado centrado no paciente”, afirma a enfermeira e diretora assistencialista da Pró-Saúde, Josieli Ledi.

A atividade, que faz parte da Semana de Enfermagem realizada dentro da unidade hospitalar, criada pelo Governo do Estado e gerenciada pela Pró-Saúde, oportunizou um ambiente de descontração e aprendizados.
Após uma live que abordou os temas “Higienização das mãos: a prática milenar dos tempos atuais” e “Os desafios de um Hospital Oncológico Pediátrico diante da pandemia”, uma dinâmica lúdica foi realizada. A partir de um jogo de perguntas e respostas, os profissionais de saúde responderam sobre os aprendizados obtidos com a programação e como isso deve ser aplicado para o bem-estar do paciente.

Para a enfermeira do Serviço de Controle de Infecção Hospitalar (SCIH) do Hospital de Campanha, Brenda Ramos, a ação vem para reforçar a importância de atitudes simples, mas que garantem a proteção contra diversas infecções. “É importante que nós, enquanto profissionais da saúde, sejamos coparticipantes do cuidado do paciente e tenhamos o compromisso em oferecer uma assistência de qualidade e segura para a não aquisição de novas doenças. Esse é o nosso principal objetivo enquanto controladoras de infecção”, diz ela.

 

Ampliar fonte
Contraste
Voltar para o topo da página - Pró-Saúde