Gincana reforça informações sobre Segurança do Paciente no Hospital 5 de Outubro

Uma gincana educativa movimentou a semana dos colaboradores do Hospital 5 de Outubro, gerenciado pela Pró-Saúde em Canaã dos Carajás (PA). De forma divertida, a competição levou os 32 setores da unidade a se enfrentarem em um jogo de perguntas e respostas sobre itens dos protocolos de segurança do paciente, que envolvem identificação do paciente, cirurgia segura, risco de queda, risco de ulcera por pressão e comunicação efetiva. A ação abordou ainda temas relacionados a gestão de riscos, acompanhamento do impacto e a probabilidade de cada processo, além de lembrar as principais informações do mapa estratégico da instituição.

Com uma demarcação no piso do auditório do HCO, nas cores verde, vermelha, amarela e azul, quatro equipes a competirem de uma só vez. Conforme acertavam as perguntas, andavam a caminho da chegada, onde estava sinalizada a expressão “Segurança do Paciente”.

Segundo a assistente de qualidade do HCO, Ariane Araújo, a iniciativa teve como objetivo reforçar, principalmente, as práticas de controle para que não ocorra danos ao paciente. “Enfatizamos nossa dinâmica em todas as atividades realizadas destinadas a segurança do paciente, para que o nosso usuário não seja prejudicado”, explicou Ariane.

Para Ana Cristina Ditassio, técnica de enfermagem do HCO, a programação ajudou a relembrar todos os protocolos da unidade, independente dele estar relacionado a um setor específico, tornando a ação uma forma de aprendizagem para todos os profissionais. “Com certeza essa atividade vai nos ajudar a prestar um atendimento melhor aos nossos pacientes, com mais segurança e qualidade”, declarou.

Hospital

O Hospital 5 de Outubro foi fundado pela empresa Vale e projetado para apoiar as operações da Mina Sossego e a implantação do projeto S11D. A unidade hospitalar é gerenciada desde 2006 pela Pró-Saúde Associação Beneficente de Assistência Social e Hospitalar, e possui estrutura de pequeno porte, com capacidade para atender casos de até média complexidade e congrega ambulatório para consultas eletivas, Pronto Atendimento 24 horas, instalações de internação com enfermarias e apartamentos individuais e suporte diagnóstico em diversas especialidades.
Em fevereiro de 2019, a unidade foi certificada pelo Programa Nacional da Qualidade (PNQ), concedido pelo Conselho Federal de Enfermagem (Cofen), que reconhece a qualidade e segurança da assistência.