Home » Futuras mamães de Pinhais têm a oportunidade de conhecer o Hospital antes do parto

Futuras mamães de Pinhais têm a oportunidade de conhecer o Hospital antes do parto

As visitas guiadas ocorrem mensalmente e visam oferecer mais segurança às gestantes, neste momento tão especial

Com o objetivo de tranquilizar as futuras mamães e familiares no momento do parto, o Departamento de Assistência à Saúde de Pinhais (DEASS) promove, todos os meses, visitas guiadas dentro do ambiente hospitalar. A iniciativa ocorre desde 2009, em parceria com as Unidades de Saúde da Família e o Hospital Municipal Nossa Senhora da Luz dos Pinhais, em Pinhais (PR).

O evento é uma das ações de extensão do pré-natal, realizado com o objetivo de reforçar as orientações passadas às gestantes e familiares durante este período que antecede o nascimento do bebê. Segundo Débora Beatriz Machado, da Seção de Políticas de Saúde da Mulher, Criança e Adolescente do DEASS, o programa faz com que as gestantes tenham um contato prévio com o local e os profissionais que as receberão. “Isso as familiariza ao hospital e à equipe de enfermagem, e certamente as deixa mais tranquilas e preparadas para este momento tão especial”, destaca Débora.

As equipes de estratégia em saúde da família já incorporaram as visitas nas ações de apoio ao pré-natal. “Durante as orientações os profissionais reforçam a importância das gestantes conhecerem o local em que seus filhos irão nascer. Além disso, eles incentivam o acompanhamento do pai ou outro familiar, que passe segurança às gestantes durante o parto”, ressalta Débora.

Como ocorre a visita?

A visitação é realizada mensalmente, sempre com agendamento prévio, conforme disponibilidade de vagas e idade gestacional. Na visita, guiada por enfermeiras do Centro Obstétrico e da Maternidade, gestantes e acompanhantes fazem o roteiro que será percorrido no dia do nascimento do bebê e conhecem a estrutura dos quartos e salas de parto. O DEASS disponibiliza o transporte de ida e volta para as gestantes e acompanhantes das Unidades de Saúde até o Hospital.

A visita deste mês foi realizada recentemente e contou com a presença de gestantes, e acompanhantes, assistidas pelas Unidades de Saúde Esplanada e Vila Amélia. Nesta ocasião, a técnica de enfermagem Eva Fraitay e a enfermeira Nilce Teixeira Parapinski, os conduziram, explicando como se dará o atendimento, desde a entrada no Hospital. “Este é um momento muito importante e mesmo as gestantes que já são mães, têm dúvidas, ficam nervosas e a nossa intenção é deixá-las mais calmas e preparadas”, destaca Eva.

As profissionais ressaltaram, em diversos momentos, a importância de o Hospital ser reconhecido como Amigo da Criança, que dentre as inúmeras diretrizes, incentiva o aleitamento materno ainda dentro da maternidade, logo após o parto. Outro ponto importante é o contato entre bebê e mamãe logo nos primeiros minutos. “Caso não necessite de cuidados especiais, o bebê é retirado de perto da mãe somente para que sejam realizados os exames e procedimentos rotineiros, e depois não sai dos braços dela”, conta a enfermeira Nilce.

Luana Fernanda Batista está na 33ª semana de gestação, à espera de João Vitor. Ela já é mãe de Douglas, de quatro anos de idade, e contou que ainda não conhecia o Hospital e que ficou satisfeita com o que presenciou. “É um local muito bem estruturado, estou feliz por ver isso. E saber como tudo que vai acontecer no dia me deixou mais calma mesmo”, disse Luana.

Alojamento Conjunto

O Hospital não possui berçário e sim alojamento conjunto, o qual proporciona maior vínculo entre mãe e bebê, pois eles permanecem juntos 24 horas por dia, além de facilitar o aleitamento materno e diminuir a ansiedade dos pais. Este espaço também permite que a mãe identifique as necessidades do seu filho desde o nascimento.

Curso de acompanhante de parto

O Hospital oferece, mensalmente, o Curso para Acompanhante no Parto. A formação é ministrada pelos profissionais médicos e enfermeiros em dois módulos. O objetivo é promover a participação dos pais e/ou acompanhante no parto, e orientar como deverão proceder. Cabe ressaltar que é permitido o acompanhamento desde o momento em que a mãe entra em trabalho de parto. Para participar, entre em contato com o Hospital pelo telefone (41) 3059-9258.

Ampliar fonte
Contraste
Voltar para o topo da página - Pró-Saúde