Home » Doe Sangue! Pacientes em tratamento de câncer no Hospital Regional do Baixo Amazonas precisam de plaquetas
Doação de Sangue

Doe Sangue! Pacientes em tratamento de câncer no Hospital Regional do Baixo Amazonas precisam de plaquetas

Devido à dificuldade de doadores de sangue que se enquadrem no perfil (verificar critérios abaixo) para a produção de plaquetas, o Hemocentro Regional de Santarém (Hemopa), está enfrentando problemas em atender a demanda de pacientes internados no Hospital Regional do Baixo Amazonas (HRBA).

O sangue é composto por glóbulos vermelhos, glóbulos brancos, plasma e plaquetas. As plaquetas ajudam no controle de sangramentos e parte delas pode ser doada sem causar prejuízo à saúde do doador.

Apesar do Hemopa de Santarém fornecer componentes do sangue (hemácias, plasma e plaquetas) para toda a região do Oeste do Pará, o HRBA é o principal consumidor destes produtos, com mais de 65% desta demanda.

Segundo a Agência Transfusional do HRBA, atualmente o hospital está com 50 bolsas de plaquetas pendentes, para atender pelo menos oito pacientes, mas a demanda é constante.

No Regional do Baixo Amazonas, pacientes, principalmente crianças, que apresentam sangramentos devido à baixa contagem de plaquetas ocasionada por leucemia, câncer, quimioterapia, radioterapia, precisam realizar continuamente a reposição de plaquetas no organismo.

A unidade, pertencente ao Governo do Pará e gerenciada pela entidade filantrópica Pró-Saúde, realiza atendimento de média e alta complexidades, e é referência em Oncologia, Neurocirurgia, Ortopedia e Traumatologia e Terapia Renal Substitutiva para uma população estimada em mais de 1,3 milhão de pessoas, residentes em 30 municípios.

Procedimentos de média e alta complexidades realizados no hospital precisam de uma média de 450 transfusões/mês, principalmente pelos setores de oncologia e Unidades de Terapia Intensiva (UTIs).

“Depois de realizada a doação, as plaquetas têm uma vida útil de 5 dias. Essa duração baixa faz com que a necessidade da doação seja sempre constante, por isso, estamos pedindo a todos que se encaixam nos critérios, que procurem o Hemopa e doem sangue. Ajudem no tratamento de nossos pacientes. Com um gesto tão simples, você pode salvar várias vidas”, destaca a enfermeira da Agência Transfusional, Paula Maia.

Todos os tipos sanguíneos são aceitos, mas neste momento, a preferência é por doadores O, A e B.

Critérios para ser um doador de plaquetas

– Já ser doador de sangue;
– Idade 16 a 69 anos;
– Documento oficial com foto;
– Estar saudável;
– Estar bem alimentado, evitando alimentos gordurosos 3 horas antes da doação;
– Ser do tipo sanguíneo O, A e B;
– Não ter feito tatuagem ou colocado piercing no último ano;
– Não estar fazendo o uso de Ácido Acetilsalicílico (AAS) ou anti-inflamatórios por 3 dias antes da doação;
– Não ter tido hepatite depois dos 10 anos de idade;
– Não ter recebido Transfusão no último ano;
– Candidatas mulheres: não ter engravidado;

Local de doação

Compareça ao Hemopa Santarém, de segunda-feira a quinta-feira, no horário de 7h às 13h. O órgão fica localizado na Avenida Frei Vicente, bairro Aeroporto Velho.

Ampliar fonte
Contraste
Voltar para o topo da página - Pró-Saúde