Simulação de acidente fecha ações do Maio Amarelo no Metropolitano | Pró-Saúde
Voltar para home
Imprensa

Simulação de acidente fecha ações do Maio Amarelo no Metropolitano

01/06/2017

Simulação de acidente fecha ações do Maio Amarelo no Metropolitano

Uma aposta na conscientização por meio da educação. Assim foram as ações do Hospital Metropolitano de Urgência e Emergência (HMUE) durante o Maio Amarelo. A unidade atuou em conjunto com parceiros para sensibilizar a comunidade da região metropolitana de Belém (PA) para as sequelas que os acidentes de trânsito podem deixar.

Nesta quarta-feira, 31/5, a instituição participou da simulação de acidente de trânsito com múltiplas vítimas promovida pela Cruz Vermelha Brasileira no Estado do Pará. O exercício contou com a participação de 50 voluntários da Cruz Vermelha, que encenaram situações com motocicleta e carro. Nos dois momentos, foram mostrados procedimentos de socorro às vítimas, como a retirada de dentro de veículos e estabilização do acidentado.

Os profissionais do programa de Residência Multidisciplinar do HMUE participaram da ação distribuindo material educativo do programa “Direção Viva” e dando explicações sobre o tipo de tratamento necessário em caso de acidente de trânsito. 

O residente de Terapia Ocupacional do HMUE, Lucas Muniz, afirmou que ao levar educação no trânsito à comunidade, a unidade contribui com o trabalho de redução de acidentes. “Estamos habituados a esta realidade no Hospital Metropolitano. Os pacientes chegam em estado gravíssimo e acabam tendo sequelas que vão levar para o resto da vida, que vão interromper seu cotidiano. Com as ações de prevenção, podemos amenizar esses números. Podemos conscientizar as pessoas para o que elas podem perder caso esses acidentes aconteçam”, afirmou.

O gestor operacional da Cruz Vermelha no Pará, Carlos Moraes, acrescenta que muitos acidentes de trânsito podem ser evitados. “A maioria acontece por imprudência, imperícia ou mesmo irresponsabilidade. Queremos que as pessoas levem a educação no trânsito em consideração e lembrem que existem outras pessoas morrendo no trânsito”, disse.

Durante o mês de maio, o programa “Direção Viva” levou ações de conscientização por meio do Hospital Metropolitano a diversos públicos na região metropolitana de Belém, em razão do movimento Maio Amarelo, que chama a atenção da sociedade para os altos índices de mortes no trânsito. O programa esteve na Universidade da Amazônia, no shopping Castanheira, Instituto de Ensino de Segurança Pública do Pará (Iesp) e Escola Municipal República Portuguesa, em Belém.

Desenvolvido pela Pró-Saúde, o programa conscientiza a comunidade sobre as sequelas oriundas de traumas por acidentes de trânsito. A ação é realizada de maneira contínua e envolve profissionais de diversas especialidades, propiciando a discussão do tema sob ângulos distintos. “Acreditamos que, para nossa população ter qualidade de vida, é preciso compreender os riscos a que nos submetemos diariamente. E isso ocorre quando fazemos educação em saúde. Por isso, implantamos o ‘Direção Viva’ nas unidades e, assim, trabalhamos a prevenção em saúde, por meio da educação e disseminação de informação. Queremos reduzir o número de sequelas causadas pelos acidentes de trânsito, e isso só será possível se reduzirmos esses eventos”, revelou o diretor Operacional da Pró-Saúde no Pará, Paulo Czrnhak.

As atividades do programa são desenvolvidas nos hospitais públicos gerenciados pela Pró-Saúde no Pará. As quatro unidades recebem 90% das vítimas de trauma de média e alta complexidades no Estado.

Entre os anos de 2014 e 2016, foram realizados mais de 35 mil atendimentos a pacientes vítimas de acidentes de trânsito no Hospital Metropolitano, no Hospital Regional Público da Transamazônica (HRPT), em Altamira, no Hospital Regional do Sudeste do Pará, em Marabá, e no Hospital Público Estadual Galileu, em Belém.

 

+ Notícias

21/01/2019 - Saúde: SBIm alerta os participantes da Jornada Mundial de Juventude sobre a importância da vacinação

21/01/2019 - Saúde: Ministério da Saúde brasileiro se preocupa com doença toxi-infecciosa vinda da Venezuela

21/01/2019 - Humanização durante o parto no HU fortalece vínculo entre mãe e bebê

21/01/2019 - Hospital Estadual de Urgência e Emergência conta com o serviço de Terapia Ocupacional

21/01/2019 - Pró-Saúde lança site do Hospital Materno-Infantil de Barcarena com foco na transparência dos serviços oferecidos para a sociedade

18/01/2019 - Pró-Saúde anuncia Semana de Farmácia Hospitalar com meta da Organização Mundial da Saúde

18/01/2019 - O papel do farmacêutico no ambiente hospitalar

17/01/2019 - Hospital Estadual de Urgência e Emergência realiza a 1ª Semana de Farmácia Hospitalar

17/01/2019 - IEC promove evento sobre cuidados paliativos

16/01/2019 - Saúde: Sobre o uso consciente dos antibióticos. Um desafio para a saúde pública

16/01/2019 - Metropolitano reforça a segurança da Unidade com a contratação de bombeiros civis

16/01/2019 - Com 180 mil atendimentos em 2018, Hospital Estadual de Urgência e Emergência é referência

15/01/2019 - Saúde: Incidência de picadas de escorpiões aumenta durante o verão brasileiro

14/01/2019 - Saúde: Suspeita de peste bubônica é investigada no Rio de Janeiro

14/01/2019 - Saúde: Lei institui mês de combate a hepatites virais

14/01/2019 - Hospital Oncológico Infantil recebe novos voluntários

14/01/2019 - Saúde - Para o novo governo, deputados sugerem ações para garantir melhor acesso da população à saúde pública

14/01/2019 - Saúde: Mais de 10.200 casos de sarampo foram confirmados no Brasil

11/09/2019 - Colaboradores do Hospital Estadual de Urgência e Emergência participam de atividades de gerenciamento de custos

10/01/2019 - Voluntários de projeto de passeio ciclístico adaptado no Parque do Utinga recebem orientações sobre primeiros socorros

10/01/2019 - Pró-Saúde completa um mês de gestão própria do Hospital São Luiz

09/01/2019 - Saúde: Nova proposta prevê a diminuição de riscos de eclâmpsia em gestantes

09/01/2019 - Saúde: SUS incorpora nova dosagem do medicamento para pacientes com esclerose múltipla

09/01/2019 - Saúde: SUS oferece novos procedimentos para pacientes com degeneração da retina

09/01/2019 - Colaboradores do Materno-Infantil de Barcarena recebem treinamento sobre Time de Resposta Rápida

08/01/2019 - Workshop reforça Segurança do Paciente com atividades lúdicas e interatividade

08/01/2019 - Mural das Virtudes promove melhoria nas relações interpessoais no Hospital Regional de Altamira

07/01/2019 - Com mais de 14 mil partos e três milhões de consultas, Pró-Saúde encerra gestão do Hospital Municipal Nossa Senhora da Luz dos Pinhais e da UPA 24h, no Paraná

07/01/2019 - Hospital Galileu divulga resultado de aprovados para o curso de Cuidador de Idosos

07/01/2019 - Colaboradores do HU arrecadam roupinhas para bebês durante curso