Ministério da Saúde avalia atendimento a gestantes no Hospital Regional de Marabá | Pró-Saúde
Voltar para home
Imprensa

Ministério da Saúde avalia atendimento a gestantes no Hospital Regional de Marabá

20/03/2017

	Ministério da Saúde avalia atendimento a gestantes no Hospital Regional de Marabá

O Hospital Regional do Sudeste do Pará - Dr. Geraldo Veloso (HRSP), em Marabá (PA), participou da avaliação nacional do Ministério da Saúde sobre a implantação de boas práticas na atenção ao parto e nascimento nas unidades de atendimento do Sistema Único de Saúde (SUS). Até o final do ano, 633 estabelecimentos passarão pela análise da instituição. Desse total, 268 estão localizados nas regiões Norte e Nordeste. 

Cada avaliador passa, em média, cinco dias na unidade para verificar estrutura, equipamentos, fluxos de atendimento e percepção dos usuários sobre os serviços oferecidos. A análise é feita com parâmetros da Rede Cegonha, estratégia do governo federal para estruturar e organizar a atenção à saúde materno-infantil no País. 

No HRSP - unidade pública gerenciada pela Pró-Saúde Associação Beneficente de Assistência Social e Hospitalar, sob contrato com a Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa) - a visita foi realizada na semana passada pela representante do Ministério da Saúde, Sílvia Amorim, e pela enfermeira da Divisão Técnica da Saúde da Mulher do 11º Centro Regional de Saúde, Analécia da Silva. As informações reunidas na unidade serão avaliadas pelo órgão federal e, posteriormente, repassadas ao Governo do Estado.

Alto risco

Referência para 22 municípios paraenses, o Hospital Regional de Marabá é a única unidade da região a disponibilizar atendimento em Obstetrícia de Alto Risco pelo SUS. Partos desse tipo são realizados pela unidade desde maio de 2014, o que já beneficiou mais de 180 mulheres de municípios diversos. Se o risco é diagnosticado durante a gravidez, essas pacientes são atendidas na instituição, mediante regulação pelo 11º Centro Regional de Saúde. 

Segundo o diretor-geral do HRSP, Valdemir Girato, a implantação do serviço é um avanço na saúde da região. ''Em 2014, a região não oferecia esse tipo de atendimento. Dessa forma, o Governo do Estado o disponibilizou na unidade, que já era referência em média e alta complexidades. Isso foi um ganho muito grande para o sudeste paraense, pois contribuiu, e muito, para reduzir a mortalidade em casos de gestação de alto risco. Aqui, caso haja complicações no parto, tanto a mãe quanto a criança têm suporte de Unidade de Terapia Intensiva'', comentou o administrador.

Teste do Pezinho

Em relação à atenção à saúde da criança, o HRSP conta em sua estrutura com uma Unidade de Terapia Intensiva neonatal, com nove leitos, e ainda dispõe de serviços como o Teste do Pezinho.  

O procedimento é fruto de uma parceria com a Secretaria Municipal de Saúde de Marabá. A coleta é feita às terças-feiras, por servidores municipais, beneficiando recém-nascidos internados na UTI neonatal. Nos primeiros quatro meses, o serviço já atendeu 17 crianças. 

O exame ajuda a diagnosticar doenças que comprometem o desenvolvimento físico e mental do indivíduo, como a fenilcetonúria, o hipotireoidismo congênito, a fibrose cística e a anemia falciforme.

 

+ Notícias

23/01/2019 - Hospital Materno-Infantil de Barcarena participa da 1º Semana de Farmácia Hospitalar da Pró-Saúde

23/01/2019 - HEGV participa da Semana de Farmácia Hospitalar

23/01/2019 - As 10 principais ameaças para a saúde em 2019

23/01/2019 - CFM divulga que metade das prefeituras gastam menos de R$403 ao ano na saúde

21/01/2019 - Saúde: SBIm alerta os participantes da Jornada Mundial de Juventude sobre a importância da vacinação

21/01/2019 - Saúde: Ministério da Saúde brasileiro se preocupa com doença toxi-infecciosa vinda da Venezuela

21/01/2019 - Humanização durante o parto no HU fortalece vínculo entre mãe e bebê

21/01/2019 - Hospital Estadual de Urgência e Emergência conta com o serviço de Terapia Ocupacional

21/01/2019 - Pró-Saúde lança site do Hospital Materno-Infantil de Barcarena com foco na transparência dos serviços oferecidos para a sociedade

18/01/2019 - Pró-Saúde anuncia Semana de Farmácia Hospitalar com meta da Organização Mundial da Saúde

18/01/2019 - O papel do farmacêutico no ambiente hospitalar

17/01/2019 - Hospital Estadual de Urgência e Emergência realiza a 1ª Semana de Farmácia Hospitalar

17/01/2019 - IEC promove evento sobre cuidados paliativos

16/01/2019 - Saúde: Sobre o uso consciente dos antibióticos. Um desafio para a saúde pública

16/01/2019 - Metropolitano reforça a segurança da Unidade com a contratação de bombeiros civis

16/01/2019 - Com 180 mil atendimentos em 2018, Hospital Estadual de Urgência e Emergência é referência

15/01/2019 - Saúde: Incidência de picadas de escorpiões aumenta durante o verão brasileiro

14/01/2019 - Saúde: Suspeita de peste bubônica é investigada no Rio de Janeiro

14/01/2019 - Saúde: Lei institui mês de combate a hepatites virais

14/01/2019 - Hospital Oncológico Infantil recebe novos voluntários

14/01/2019 - Saúde - Para o novo governo, deputados sugerem ações para garantir melhor acesso da população à saúde pública

14/01/2019 - Saúde: Mais de 10.200 casos de sarampo foram confirmados no Brasil

11/09/2019 - Colaboradores do Hospital Estadual de Urgência e Emergência participam de atividades de gerenciamento de custos

10/01/2019 - Voluntários de projeto de passeio ciclístico adaptado no Parque do Utinga recebem orientações sobre primeiros socorros

10/01/2019 - Pró-Saúde completa um mês de gestão própria do Hospital São Luiz

09/01/2019 - Saúde: Nova proposta prevê a diminuição de riscos de eclâmpsia em gestantes

09/01/2019 - Saúde: SUS incorpora nova dosagem do medicamento para pacientes com esclerose múltipla

09/01/2019 - Saúde: SUS oferece novos procedimentos para pacientes com degeneração da retina

09/01/2019 - Colaboradores do Materno-Infantil de Barcarena recebem treinamento sobre Time de Resposta Rápida

08/01/2019 - Workshop reforça Segurança do Paciente com atividades lúdicas e interatividade