Doação de órgãos salva vidas no Hospital Metropolitano | Pró-Saúde
Voltar para home
Imprensa

Doação de órgãos salva vidas no Hospital Metropolitano

28/09/2016

Há sete meses, a técnica e estudante de Enfermagem, Clelma Maia, tomou uma decisão difícil, mas inesquecível. Ao se deparar com a morte encefálica do irmão mais novo, que teve um traumatismo craniano, Clelma conversou com os demais familiares e optou pela doação de vários órgãos e tecidos. Foi possível captar coração, rins, fígado e córneas. A história do irmão de Clelma, de apenas 21 anos, que não usava capacete no momento do acidente de moto, trouxe o sentimento de tristeza inevitável pelo óbito, no entanto, também proporcionou outro tipo de sensação. “Não podia ser egoísta e dizer que queria o meu irmão de volta”, enfatizou Clelma, explicando. “A decisão de optar pela doação foi da família. E relatei a todos os familiares que estava saindo do hospital com a sensação de dever cumprido. Fiz o que poderia ter feito e ajudei a salvar outras vidas”, avaliou.

A família Maia foi uma das acolhidas pela Organização de Procura de Órgãos, setor mantido pelo Hospital Metropolitano de Urgência e Emergência (HMUE), em Ananindeua (PA), que atende usuários vítimas de trauma e queimados de média e alta complexidades. E em alusão ao dia nacional do doador de órgãos, comemorado na última terça-feira, 27/9, o Hospital Metropolitano aderiu à campanha “Setembro Verde”, que é, no Estado, organizada pela Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa) por meio da Central de Transplantes. Com o tema “Doação de Órgãos: Passe essa ideia adiante”, foram realizadas ações de conscientização no hall de entrada da unidade de saúde. A programação terá ações internas e externas, objetivando incentivar a doação de órgãos e tecidos no Pará. Nas próximas quinta e sexta-feira, 29 e 30/9, os colaboradores do hospital irão ministrar palestras sobre o tema em duas comunidades.

A Organização de Procura de Órgãos do Hospital Metropolitano tem a função é organizar e apoiar o processo. As atividades das OPO abrangem o processo de doação de órgãos e tecidos, a manutenção do potencial doador, a construção de parcerias e a capacitação para identificação e efetivação da doação de órgãos ou tecidos. O setor foi implantado em 2014, sendo composto por seis enfermeiros, responsáveis pela busca ativa e notificação de potenciais doadores, além da coordenação de todo o processo de doação desde a detecção, manutenção até o momento da cirurgia de captação de rins, córneas, fígado e coração. O processo também envolve a equipe multiprofissional do hospital. Para se tornar um doador, é preciso apenas expressar o desejo, comunicando a família, não sendo necessário deixar nada documentado, nem registrado na carteira de identidade.

O enfermeiro da OPO do Hospital Metropolitano, Willian Serra, explicou que o setor trabalha a partir de uma busca ativa dos usuários com perfil de morte encefálica, por meio de um protocolo, que analisa, entre outras causas, parada irreversível de todas as funções, ausência de reflexos de tronco. Também é feita uma avaliação do potencial doador para uma possível entrevista com a família a respeito do ato nobre de doar órgãos e tecidos. “A doação de múltiplos órgãos pode ajudar no retorno de até dez pessoas à sociedade. Aqui no Hospital Metropolitano, temos, em média, duas captações de órgãos realizadas mensalmente. Nós atuamos desde processo de captação do potencial doador até a entrega do corpo à família, passando pela diagnostico de morte encefálica, abertura e fechamento de protocolo, e participando da cirurgia de captação”, disse. 

A diretora assistencial do Hospital Metropolitano, Ivanete Prestes, considerou o trabalho da OPO imprescindível. “Trabalhamos de forma a preservar a vida. E a OPO é fundamental nesse sentido. A ideia é ampliar a conscientização das pessoas sobre a importância deste ato”.   

 

+ Notícias

16/01/2019 - Sobre o uso consciente dos antibióticos. Um desafio para a saúde pública

16/01/2019 - Metropolitano reforça a segurança da Unidade com a contratação de bombeiros civis

16/01/2018 - Com 180 mil atendimentos em 2018, Hospital Estadual de Urgência e Emergência é referência

15/01/2018 - Incidência de picadas de escorpiões aumenta durante o verão brasileiro

14/01/2018 - Suspeita de peste bubônica é investigada no Rio de Janeiro

14/01/2018 - Lei institui mês de combate a hepatites virais

14/01/2018 - Hospital Oncológico Infantil recebe novos voluntários

14/01/2019 - Para o novo governo, deputados sugerem ações para garantir melhor acesso da população à saúde pública

14/01/2019 - Mais de 10.200 casos de sarampo foram confirmados no Brasil

11/09/2019 - Colaboradores do Hospital Estadual de Urgência e Emergência participam de atividades de gerenciamento de custos

10/01/2019 - Voluntários de projeto de passeio ciclístico adaptado no Parque do Utinga recebem orientações sobre primeiros socorros

10/01/2018 - Pró-Saúde completa um mês de gestão própria do Hospital São Luiz

09/01/2019 - Nova proposta prevê a diminuição de riscos de eclâmpsia em gestantes

09/01/2019 - SUS incorpora nova dosagem do medicamento para pacientes com esclerose múltipla

09/01/2019 - SUS oferece novos procedimentos para pacientes com degeneração da retina

09/01/2019 - Colaboradores do Materno-Infantil de Barcarena recebem treinamento sobre Time de Resposta Rápida

08/01/2019 - Workshop reforça Segurança do Paciente com atividades lúdicas e interatividade

08/01/2019 - Mural das Virtudes promove melhoria nas relações interpessoais no Hospital Regional de Altamira

07/01/2019 - Com mais de 14 mil partos e três milhões de consultas, Pró-Saúde encerra gestão do Hospital Municipal Nossa Senhora da Luz dos Pinhais e da UPA 24h, no Paraná

07/01/2019 - Hospital Galileu divulga resultado de aprovados para o curso de Cuidador de Idosos

07/01/2019 - Colaboradores do HU arrecadam roupinhas para bebês durante curso

07/01/2019 - Hospital Metropolitano realiza formatura de ABC para paciente internado no Centro de Tratamento de Queimados

02/01/2018 - Mãe e bebê prematuro recebem visita familiar para o Natal no Hospital Materno Infantil de Barcarena

02/01/2019 - Programação Natalina leva esperança e solidariedade para pacientes do HRPT

02/01/2019 - Hospital 5 de Outubro realiza programação musical de Natal

02/01/2019 - Hospital Metropolitano realiza VI Semana SIPAT

28/12/2018 - CEIs participam de avaliação anual e promovem planejamento para 2019

28/12/2018 - Funcionários do HRPT fazem ceia de Natal para pacientes

28/12/2018 - HMIB alerta sobre a Campanha Dezembro Vermelho

27/12/2018 - Caravana Iluminada de Natal encanta crianças no Hospital Oncológico Infantil