Hospital Estadual de Urgência e Emergência promove ação de incentivo à higienização das mãos

Uma atividade in loco denominada “O controle de infecções está em suas mãos” tem reforçado, entre os profissionais do Hospital Estadual de Urgência e Emergência, em Vitória (ES), a importância da higienização das mãos durante a assistência ao paciente.

A ação, que acontece até o dia 4 de dezembro, está sendo aplicada pelo Serviço de Controle de Infecção Hospitalar (SCIH) em todos os setores do hospital. Além das orientações sobre os cinco momentos adequados para a higienização das mãos, os profissionais são convidados a construir uma árvore, deixando sua marca num painel utilizando uma de suas mãos.

“A higienização das mãos é considerada uma das medidas mais seguras dentro de um ambiente de promoção e cuidado da saúde. Simbolicamente, a árvore representa uma oportunidade de colher frutos, entre eles, ampliar a prevenção das infecções”, explicou Ana Paula Curty Stinghel, enfermeira da SCIH.

Segundo a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), as mãos são consideradas a principal via de transmissão de microrganismos durante a assistência prestada ao paciente. Isso ocorre porque a pele é um reservatório de diversas bactérias, que podem se transferir de uma superfície para outra por meio de contato direto ou indireto com objetos e superfícies contaminadas.

Os cinco momentos adequados para a higienização das mãos, conforme orienta a Organização Mundial de Saúde (OMS), são: antes do contato com o paciente, antes do procedimento asséptico, após a exposição a líquidos corporais, após contato com o paciente, após contato com as áreas próximas ao paciente.

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of