Folha PA - Excelência do serviço de neurologia do HRBA é reconhecida nacionalmente | Pró-Saúde
Voltar para home
Imprensa

Na Mídia

Folha PA - Excelência do serviço de neurologia do HRBA é reconhecida nacionalmente

Sociedade Brasileira de Neurocirurgia (SBN) certificou o Hospital Regional do Baixo Amazonas (HRBA) como qualificado para cumprir o Programa de Residência Médica em Neurocirurgia do Ministério da Educação (MEC). Além do reconhecimento do empenho do hospital na área da neurocirurgia, a SBN considerou, no processo de certificação, o papel do neurocirurgião Erik Jennings para que Santarém tenha um centro de excelência nessa área da medicina.

A certificação inclui a cidade de Santarém entre 83 localidades do país onde são formados neurocirurgiões. Isso é importante para quebrar paradigmas a respeito da falta de especialistas no interior do país, ao mesmo tempo que reconhece o empenho de universidades e de hospitais dedicados à qualificação profissional.

A certificação concedida ao HRBA – administrado pela Pró-Saúde – Associação Beneficente de Assistência Social e Hospitalar, sob contrato com a Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa) – é particularmente importante para o Estado ao assinalar que está sendo superada a carência de médicos no interior. Remete à decisão política do governo estadual de vincular ao projeto do hospital regional de Santarém o curso de medicina da Universidade do Estado do Pará (Uepa).

Para o neurocirurgião Erik Jennings, que atua no hospital, o reconhecimento da SBN é o reflexo dessa estratégia. “Há 15 anos, quando cheguei à cidade, não tínhamos UTI, faltava respirador no centro cirúrgico, faltavam materiais básicos de neurocirurgia, mas conquistamos espaço ao longo dos anos, daí a importância desse reconhecimento”, diz.

De janeiro a agosto deste ano, foram feitas 153 cirurgias neurológicas no HRBA. Esse número cresce, principalmente, em função dos acidentes de trânsito, que provocam traumas cada vez mais complexos, repercutindo na rede pública de saúde e sobrecarregando o hospital regional que, entretanto, tem atendido adequadamente a demanda. Hoje, o hospital dispõe de estrutura cirúrgica e de internação para pacientes de neurocirurgia, além de uma equipe completa de médicos e profissionais multidisciplinares.

Para o diretor geral do HRBA, Hebert Moreschi, o reconhecimento da Sociedade Brasileira de Neurocirurgia demonstra que o hospital está no caminho certo para formar profissionais altamente qualificados. “O hospital está se consolidando como centro de formação de profissionais em saúde, indo ao encontro a uma das maiores necessidades da região, a disponibilidade de médicos. O Estado se beneficia como um todo, pois esses médicos aqui formados podem atuar em outras localidades, melhorando a qualidade dos serviços públicos”, conclui. Ele considera merecida a referência ao neurologista Erik Jennings, “na condição de pioneiro em neurocirurgia no oeste do Pará, estando entre os melhores profissionais do Brasil”.

 

<< voltar