Alzheimer afeta só a memória?

Doença não tem cura, mas há tratamentos disponíveis, que proporcionam alívio dos sintomas

Recentemente, a cantora Vanusa foi diagnosticada com Alzheimer e relatos da família sobre a mudança comportamento da estrela começaram a aparecer. Mas, o Alzheimer não afeta só a memória?

O Alzheimer é um transtorno neurodegenerativo progressivo, que afeta as funções cerebrais, causando perdas de memória, da linguagem, da razão e da habilidade de cuidar de si próprio. Apesar de atingir, habitualmente, pessoas na faixa etária acima dos 60 anos, alguns casos acometem pessoas mais jovens.

Não se conhece uma causa específica para a doença, mas, predisposição genética individual, hipertensão arterial, sedentarismo, consumo elevado de gordura saturada e de bebidas alcoólicas, são fatores frequente associados a uma maior chance de desenvolver o Alzheimer.

No mês em que é celebrado o Dia Mundial do Alzheimer (21/9), reforçamos a importância de ficar sempre atento aos sintomas e estágios da doença.

> Estágio I – alterações na memória, personalidade e habilidades espaciais e visuais;
> Estágio II – dificuldade para falar, realizar tarefas simples e coordenar movimentos, além de agitação e insônia;
> Estágio III – resistência à execução de tarefas diárias, incontinência urinária e fecal, dificuldade para comer e deficiência motora progressiva;
> Estágio IV – restrição ao leito, mutismo, dor à deglutição e infecções intercorrentes.

O Alzheimer não tem cura, no entanto, há tratamentos medicamentosos disponíveis, que permitem aliviar os sintomas. No Brasil, centros de referência do Sistema Único de Saúde (SUS) oferecem tratamento multidisciplinar integral e gratuito para pacientes com a doença.

Buscar…


Olá!

Este é o blog Vida Saudável, um espaço focado nas melhores dicas e informações sobre saúde e bem-estar, tudo com a assinatura da gestão Pró-Saúde. Aproveite!

Últimos posts