Home » Padronização de medicação da Pró Saúde Bahia

Padronização de medicação da Pró Saúde Bahia

Em entendimento da importância da política do uso de medicamentos, o diretor Operacional da Pró-Saúde na Bahia, Duberney Rocha Marco,solicitou a elaboração e implementação da padronização de medicamentos e materiais de uso hospitalar. A proposta visa  orientar a equipe de saúde, sobretudo aqueles que prescrevem medicações, a assegurar uma terapêutica racional e conter medicamentos e materiais considerados essenciais para perfil nosocomial.

Por este motivo, formou-se a Comissão de Padronização da Pró Saúde da Bahia. Várias reuniões foram realizadas no mês de março com a finalidade de padronizar, neste primeiro momento, a gestão de  medicamentos, materiais de uso hospitalar e curativos.

A comissão é formada pelos médicos  Flávio Pereira, representante do Núcleo de Qualidade; Juliana Correa, representante da CCIH;  Rejane de Almeida, gerente de  enfermagem; Alexandra Paiva Viana, farmacêutica e representante do Hospital Alayde Costa e UPA Subúrbio; Maíra Kurihara, farmacêutica e representante da UPA Valéria, Danille Rocha, farmacêutica e representante do 16° Centro de Saúde; Flávio, farmacêutico e representante do Hospital de Mairi e André Lemos, representante do setor de Suprimentos.

Periodicamente a padronização deve ser revista e será estimulada a descentralização das informações, além  de servir para incentivar que outros profissionais da área de saúde, que tenha preocupações com toda esta demanda de novos medicamentos, venham colaborar para que as unidades oferecer as melhores práticas em  farmacoterapia.

Ampliar fonte
Contraste
Voltar para o topo da página - Pró-Saúde