Home » Oncológico Infantil realiza Campanha de Doação de Sangue e Cadastro de Medula Óssea
Doação de Sangue

Oncológico Infantil realiza Campanha de Doação de Sangue e Cadastro de Medula Óssea

No dia 19 de novembro, haverá um ponto móvel de coleta em frente à unidade para atendimentos aos doadores

“Estamos com estoque muito baixo de bolsas de sangue. Para que as crianças e adolescentes continuem lutando pela vida e contra o câncer, contamos com o nobre sentimento de solidariedade da população”. Este é o apelo feito pelo coordenador da Agência Transfusional do Hospital Oncológico Infantil Octávio Lobo, em Belém, Márcio Moraes.

A unidade, que é referência no Norte do país para atendimento oncopediátrico, realizará no dia 19 de novembro, uma Campanha de Doação de Sangue e Cadastro de Medula Óssea. O evento é em parceria com a Fundação Centro de Hemoterapia e Hematologia do Pará (Hemopa).

Desde 2016, o hospital já desenvolve a campanha com o tema ‘Quando você doa sangue, a brincadeira continua’. Este ano a iniciativa conta com a presença da Unidade Móvel do Hemopa, que estará em frente ao Hospital Oncológico Infantil, e receberá os doadores das 8h às 16h.

O Oncológico Infantil é uma unidade de referência no diagnóstico e tratamento especializado contra o câncer infantojuvenil. Prestando atendimento 100% gratuito via Sistema Único de Saúde (SUS), integra a rede de saúde pública do Governo do Estado do Pará e é administrado pela entidade filantrópica Pró-Saúde.

Dados do Ministério da Saúde apontam que apenas 1,8% da população brasileira doa sangue. Segundo o órgão, o ideal seria que esse índice subisse para, pelo menos, 3%. Com apenas uma doação de sangue é possível beneficiar de três a quatro pessoas, já que o sangue doado é dividido em diferentes componentes (hemácias, plasma, plaquetas e crioprecipitado).

Para a enfermeira Isis Souza, da Agência Transfusional do Oncológico Infantil, a crise sanitária da Covid-19 influenciou na baixa do estoque de bolsas de sangue. “O período pandêmico interferiu diretamente no número de doações. Para a nossa realidade, aqui no hospital, o ideal seria em média 200 doações de sangue realizadas por mês, isto garantiria um certo conforto na nossa rotina de trabalho transfusional”, afirmou a enfermeira.

“A solidariedade da população é essencial para ajudar a salvar vidas, visto que o sangue não tem nenhum substituto”, reforça Márcio Moraes.

Cadastro de Medula Óssea

Os doadores que farão a coleta de sangue na campanha terão seus dados pessoais cadastrados no Hemopa. O banco de dados do Estado do Pará conta com 136 mil voluntários e é integrado a bases de informações do Registro Nacional de Doadores de Medula Óssea (Redome).

Um indivíduo cadastrado no Redome pode ser voluntário para a doação de medula, caso identificada a compatibilidade com algum paciente que esteja necessitando do transplante de medula óssea.

Quem pode doar

Para poder doar sangue basta ter boa saúde, idade entre 16 e 69 anos (menores devem estar acompanhados do responsável legal), pesar mais de 50 kg. É indispensável a apresentação de documentos originais com foto (RG, CNH ou Carteira Profissional).

Cada bolsa de sangue pode salvar até quatro vidas, pois o sangue doado é fracionado nos hemocomponentes que são usados continuamente no tratamento oncológico, atuando em funções como a recomposição do sistema de defesa do organismo, fragilizado por causa do tratamento quimioterápico.

As pessoas que não puderem comparecer na Unidade Móvel no dia 19/11, podem se dirigir até a sede do Hemopa e informar que a doação do sangue é para o Hospital Oncológico Infantil Octávio Lobo, cujo código é 1766. Os horários de atendimento estão disponíveis no site da instituição.

Serviço:

Campanha de doação de sangue e Cadastro de medula óssea do Oncológico Infantil
Data: sexta-feira, 19 de novembro de 2021
Local: Hospital Oncológico Infantil Octávio Lobo, localizado na Travessa 14 de Março nº 1394, esquina com a Avenida Magalhães Barata, Bairro São Brás.
Horário: das 8h às 16h.

 

Ampliar fonte
Contraste
Voltar para o topo da página - Pró-Saúde