Oficina de Sensibilização em Aleitamento Materno é realizada no HMIB

Em busca de um atendimento com excelência, humanizado e capacitação profissional, o Hospital Materno-Infantil de Barcarena Dra. Anna Turan (HMIB), em Barcarena (PA), promoveu a Oficina de Sensibilização em Aleitamento Materno para os colaboradores, ministrada pela equipe da Coordenação Estadual de Saúde da Criança.

Com o intuito de preparar a Unidade, gerida pela Pró-Saúde Associação Beneficente de Assistência Social e Hospitalar, para o credenciamento na iniciativa Hospital Amigo da Criança (IHAC), os palestrantes abordaram diversos temas importantes para a proteção, apoio e incentivo do aleitamento materno. 

“A proposta da oficina é capacitar os profissionais a trabalharem dentro das normas, critérios e passos que a Unidade precisa seguir. Foi fundamental para este momento termos os profissionais disponíveis para capacitação. Quando capacitamos em um hospital que já está em atividade, a gente não consegue que todos aproveitem o suficiente”, explica a médica sanitarista e coordenadora Estadual de Saúde da Criança, Ana Cristina Guzzo.

Durante a Oficina, os colaboradores do HMIB puderam entender melhor os trâmites para o credenciamento, as normas brasileiras de comercialização de alimentos das lactantes, bem como, sobre as normas que protegem o aleitamento materno, eficiência, desenvolvimento e produção do mesmo. 
Outro fator importante neste processo de aprendizagem, são as barreiras de comunicação e a desconstrução de mitos populares, ressalta Ana Cristina. “A gente não sai da faculdade com essa forma de assistência aos usuários, nossa formação acadêmica é muito técnica, esquecemos um pouco o foco de atenção que é o paciente e o bem-estar dele. Citamos o importante vínculo família e bebê para o desenvolvimento dele. A partir dessa mudança de paradigma, os profissionais começam a repensar novas práticas”, explica.

Kalila Rodrigues, colaboradora responsável pelo Serviço de Atendimento ao Usuário (SAU) do HMIB, participou deste momento de troca de experiências. Ela conta que essa construção de aprendizagem é bem significativa quando se refere ao conhecimento de vida. “Durante o curso, eu vi que é muito importante a equipe ter paciência ao ensinar as técnicas de amamentação, principalmente quando a mãe não consegue amamentar como foi o meu caso. Quando eu tive meu filho, eu sofri bastante por não conseguir alimentar meu filho e logo o médico passou logo um leite. Se eu tivesse esse curso naquela época tudo seria diferente”, comenta. 

Participaram da Oficina colaboradores de todos os setores do Hospital, o que envolveu enfermeiros, médicos, fonoaudiólogos, nutricionistas, fisioterapeutas, equipe do Serviço de Higiene e Limpeza e do Administrativo. “Essa equipe que esteve conosco, veio para capacitar os nossos multiplicadores com relação à iniciativa Hospital Amiga da Criança no sentido de empoderá-los sobre as informações que vão nos levar a adotar as boas práticas relacionadas ao aleitamento materno, paralelo a isso, temos como objetivo a certificação IHAC, e são esses multiplicadores que vão trabalhar os princípios e diretrizes que a gente vai seguir a partir de agora”, exalta a diretora Hospitalar Stéphanie Karenn Valdivia. 

Iniciativa Hospital Amigo da Criança (IHAC)

A IHAC é um selo de qualidade conferido pelo Ministério da Saúde aos hospitais que cumprem os 10 passos para o sucesso do aleitamento materno, instituídos pelo Unicef (Fundo das Nações Unidas para a Infância) e pela Organização Mundial de Saúde (OMS). Para ser amigo da criança, o hospital deve também respeitar outros critérios, como o cuidado respeitoso e humanizado à mulher durante o pré-parto, parto e o pós-parto, garantir livre acesso à mãe e ao pai e permanência deles junto ao recém-nascido internado, durante 24 horas, e cumprir a  Norma Brasileira de Comercialização de Alimentos para Lactentes e Crianças na Primeira Infância (NBCAL).

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of