Novas ambulâncias do SAMU de Mogi já estão em operação

O SAMU de Mogi das Cruzes está com cinco novas ambulâncias para a renovação da frota. Os veículos foram enviados pelo Ministério da Saúde e começaram a operação neste mês de janeiro.

“A renovação da frota possibilitará uma redução de custos com a manutenção e uma melhor prestação do serviço”, afirmou o prefeito de Mogi das Cruzes, Marcus Melo.  

As viaturas, da marca Mercedez Benz, são totalmente adaptadas para o transporte de pacientes. Elas possuem ano de fabricação 2017/2018 e estão avaliadas em R$ 176.286,00 cada, totalizando um investimento de R$ 881.430,00. As ambulâncias que serão renovadas foram fabricadas em 2010 e estão com uma média de 250.000 quilômetros rodados cada. Os veículos que deixarão a frota do SAMU serão devolvidas à Prefeitura, assim, continuam sendo utilizados para outros serviços, com a remoção de pacientes. 

As ambulâncias, entregues no dia 22/12 passado, foram distribuídas entre as bases do Shangai, Braz Cubas e UPA 24h Oropó. Em média, cada viatura circula cerca de 3 mil quilômetros por mês. O veículo que permanece em Braz Cubas é o que mais roda: entre 4,2 mil e 4,5 mil quilômetros mensais.

Considerado referência nacional, o SAMU de Mogi é administrado pela Pró-Saúde Associação Beneficente de Assistência Social e Hospitalar desde a sua abertura, em outubro de 2011, por meio de um contrato de gestão com o Consórcio Regional do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Cresamu). 

O Cresamu reúne as cidades de Mogi, Salesópolis, Biritiba Mirim, Guararema e Arujá. Em maio deste ano, a cidade de Santa Isabel fez a adesão ao Cresamu, cujo atendimento está previsto para iniciar em 2018. Com isso, a autarquia passou a atender um total de 646 mil habitantes. A inclusão de Santa Isabel elevará o número de bases descentralizadas para sete. 

Em seis anos de atividades, o SAMU realizou 328.426 atendimentos, entre os quais 240.199 de urgências e emergências. Os atendimentos em Mogi representam a grande maioria, com cerca de 78% do total, em média. Seguido pelas ocorrência atendidas em Arujá (10%), Biritiba (5%), Guararema (4%) e Salesópolis (3%).

A maior parte das chamadas ocorre de segunda-feira (17% do total), no período entre 12h e 18h59 (36%). Entre os três principais motivos dos chamados estão acidentes de trânsito, atropelamento e broncopneumonia. O perfil de paciente mais atendido pelo SAMU é mulher, com idade de 61 anos ou mais.

Para quem precisa de atendimento do SAMU, basta ligar no telefone 192. O cidadão é atendido por um técnico de regulação capaz de identificar o tipo de socorro mais adequado para cada ocorrência. A viatura mais indicada para o atendimento de um caso é então enviada para o local. A ligação é gratuita.

 

Guararema e Salesópolis

A ambulância do Cresamu que presta serviço em Guararema, município que integra o consórcio, também será renovada. A viatura já chegou à região e, assim como Mogi, entrará em operação em janeiro. Biritiba Mirim será a próxima cidade a ter a viatura renovada. O Termo de Doação do Ministério da Saúde já foi assinado e a entrega ao município deverá ocorrer nos próximos dias, após a publicação no Diário Oficial da União.

Das oito viaturas recebidas em 2010, quando o Cresamu foi formulado, todas elas já foram renovadas. A frota total do Cresamu conta, neste momento, com 15 viaturas, sendo 11 em operação e quatro de reserva técnica. Dois modelos são de suporte avançado.

No início do ano, o SAMU já havia recebido duas ambulâncias para renovação da frota, uma delas para utilização em Mogi e a outra para Salesópolis.

A cerimônia de entrega das novas ambulâncias contou com secretários municipais, vereadores e demais autoridades, além de colaboradores do SAMU e servidores da Secretaria Municipal de Saúde.

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of