Materno-Infantil de Barcarena destaca os benefícios do consumo de chocolate durante a gravidez

No Dia Mundial do Chocolate, nutricionista do HMIB esclarece dúvidas e dá orientações para o consumo do alimento

O chocolate é um alimento de sucesso entre adultos e crianças em todo o mundo, ganhando até mesmo uma data especial, celebrada nesta terça-feira (7/7). No Dia Mundial do Chocolate, o Hospital Materno-Infantil de Barcarena Dra. Anna Turan destaca os principais benefícios e cuidados em relação ao consumo do alimento, principalmente para mulheres grávidas.

De acordo com nutricionista Danielly Souza, que atua no HMIB, unidade gerenciada pela Pró-Saúde no interior do Pará, a orientação sobre a alimentação às gestantes é essencial. Segundo a profissional, o chocolate possui diversos benefícios que refletem positivamente na saúde da gestante, no entanto, é necessário esclarecer algumas dúvidas importantes sobre a correta ingestão do alimento.

“O chocolate previne o envelhecimento precoce, por ter compostos bioativos e polifenóis, ajudando no controle das células e do metabolismo. Além disso, age como anti-inflamatório, por conta do cacau ser rico em substâncias antioxidantes, combatendo os radicais livres. Ele também possui propriedades energizantes e um importante potencial de aumento da serotonina, proporcionando aquela sensação de bem-estar”, afirma.

Ainda segundo a profissional, um pequeno tablete de 5g é suficiente para ter os benefícios proporcionados pelo alimento. Danielly alerta ainda para o cuidado com o percentual de cacau e o tipo de chocolate escolhido para o consumo.

“O melhor tipo de chocolate é aquele em que o ingrediente cacau é o primeiro da lista, o item em maior quantidade na receita. Temos como exemplo os chocolates a partir de 70% cacau, que são os mais adequados. É preciso ter cuidado com os chocolates brancos e ao leite, que geralmente contêm muita gordura e açúcar, e podem prejudicar a saúde se consumidos com frequência A dica é verificar a lista de ingredientes antes de fazer a compra, para escolher a melhor opção”, ressalta.

É importante citar ainda que o consumo do chocolate deve ser balanceado, em uma dieta elaborada por um profissional qualificado, evitando exageros, principalmente para casos clínicos de gestantes que têm restrição de outros alimentos.

“Apesar dos benefícios do chocolate é preciso muita atenção no consumo. No caso das gestantes, fica o alerta para não consumir chocolate com licor, já que precisam evitar o consumo de qualquer bebida alcoólica, para o bom desenvolvimento do bebê”, alerta.

Hoje, há diversas opções de chocolate sem açúcar, com versões acessíveis, que podem ser uma boa alternativa para pessoas que apresentam restrições quanto ao consumo deste alimento. “Porém, as gestantes precisam sempre ser avaliadas por um profissional nutricionista, além de ficarem atentas à quantidade de chocolate ingerida”, finaliza a nutricionista.

O Hospital Materno-Infantil de Barcarena Dra. Anna Turan é uma unidade do governo do Estado do Pará, que presta atendimento 100% gratuito por meio do Sistema único de Saúde (SUS). É referência para mulheres gestantes e recém-nascidos de 11 municípios do Baixo Tocantins: Abaetetuba, Barcarena, Igarapé-Miri, Moju, Baião, Cametá, Limoeiro do Ajuru, Mocajuba, Acará, Ponta de Pedras e Oeiras do Pará. No interior do Estado, oferta atendimentos de média e alta complexidades nas especialidades de obstetrícia e neonatologia, entre outras.