Hospital Regional de Marabá realiza mais de 318 mil atendimentos em 2016

Com 68 anos, seu João José da Cunha conta nos dedos as vezes que precisou de atendimento médico. Criado na roça, cultivando feijão, arroz e mandioca, ele se diz um homem forte e sadio. Porém, no início deste ano, foi levado às pressas para uma unidade de saúde de São Geraldo do Araguaia (PA), depois de sofrer um acidente de motocicleta. Por conta da gravidade do caso, o lavrador aposentado acabou sendo transferido para o Hospital Regional do Sudeste do Pará – Dr. Geraldo Veloso (HRSP), em Marabá. A unidade é referência em atendimento de trauma de média e alta complexidades para mais de 1 milhão de pessoas em 22 municípios paraenses. 

'Tenho a saúde boa. Nada de diabetes, nem hipertensão. Raras vezes precisei de médico, mas, agora, estou aqui. Não tenho do que reclamar. O atendimento é bom demais', afirma o paciente. Ele divide a enfermaria com outras duas vítimas de acidente de trânsito. Um deles é o servidor público Josias Soares de Lima, de 50 anos, morador de Paragominas, no nordeste do Estado, que é acompanhado pelos profissionais da unidade há quase um mês. 

Josias é um dos 3.385 pacientes que foram internados no Hospital Regional de Marabá em 2016, todos regulados pelo Sistema Único de Saúde (SUS). No mesmo período, a instituição realizou mais de 212.351 exames, 71.446 atendimentos multiprofissionais, 28.870 atendimentos ambulatoriais, entre consultas médicas e sessões de reabilitação a usuários externos, e 2.695 cirurgias, somando 318.747 atendimentos. 

“Eu nunca pensei em viver uma situação como essa: tantos dias internado e dependendo de alguém para tudo. Mas posso afirmar que levarei boas lembranças quando sair daqui, pois o atendimento é muito bom. Os enfermeiros e técnicos cuidam da gente, os médicos visitam o paciente todos os dias e a gente vai fazendo amizade com quem chega”, conta o paciente, emocionado, enquanto é consolado por seu João José. 

De acordo com o diretor-geral do HRSP, Valdemir Girato, a humanização no atendimento tem sido um dos compromissos da unidade ao longo de uma década de funcionamento. Ele conta que o hospital oferece aos moradores da região serviços especializados e qualificados. “Foram mais de 318 mil atendimentos em um ano. É uma produção significativa que reflete uma série de avanços na unidade, como a aquisição de novos equipamentos para a realização de exames, ampliando a segurança no diagnóstico do paciente”, afirma o administrador. 

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of