Home » HEAPN cria sistema de reaproveitamento de água

HEAPN cria sistema de reaproveitamento de água

O Hospital Estadual Adão Pereira Nunes (HEAPN), no Rio de Janeiro (RJ) – administrado pela Pró-Saúde – iniciou, este mês, seu primeiro projeto sustentável de reuso de água. Trata-se de um sistema para reaproveitamento da água proveniente do resfriamento do tanque de oxigênio líquido e de água pluvial.

O tanque de oxigênio líquido é utilizado para o armazenamento e abastecimento de oxigênio para fins medicinais. Ele retém uma temperatura de -183ºC, consecutivamente há o congelamento dos vaporizadores atmosféricos, responsáveis pela vaporização do oxigênio líquido, ou seja, transforma o produto do estado físico líquido para gasoso.

Para evitar falhas no sistema de distribuição de oxigênio proveniente do tanque, há a necessidade de descongelar alguns componentes do mesmo, como por exemplo, os vaporizadores e algumas válvulas. Esse resfriamento é feito através de água em temperatura ambiente, podendo ser um ato intermitente.

O sistema é composto por uma cisterna de aproximadamente 2m³ para armazenar a água, e uma caixa de decantação e filtragem dos sólidos em suspensão, com o objetivo de otimizar o ciclo de aproveitamento da água.

Anteriormente ao desenvolvimento e implantação do projeto, o desperdício de água para o resfriamento do tanque de oxigênio líquido era de cerca de 6 L/min (litros/minuto), chegando até 360 L/h (litros/hora) ou 8.640 L/d (litros/dia). Atualmente, há aproximadamente 2 mil litros de água retida na cisterna.

“Desenvolvemos um sistema que propicia um ciclo de reaproveitamento, onde toda água utilizada para resfriar o tanque é reutilizada com o mesmo fim. Garantimos, desta maneira, o uso racional e livre de desperdícios deste recurso natural primordial para a vida no Planeta”, explicou o diretor do HEAPN, Frederico Coltro.   

Ampliar fonte
Contraste
Voltar para o topo da página - Pró-Saúde