Home » Crianças recebem educação regular no HRBA

Crianças recebem educação regular no HRBA

Na segunda-feira (3), duas crianças em tratamento prolongado no Hospital Regional do Baixo Amazonas, em Santarém, retornaram às aulas, após o “período de férias”. Luan Gabriel da Silva, cinco anos, e Élida Keila de Sousa, sete anos, estão matriculados em uma escola municipal, mas recebem aulas dentro do hospital, onde são considerados “moradores”.

A menina “mora” no HRBA desde os seis meses de vida e Luan, desde os 10 meses. Ambos sofrem de uma doença neurológica congênita, que não impedem o aprendizado. Luan demonstra grande interesse pelos estudos. “Ele é muito curioso e isso faz bem para ele”, conta a mãe do menino, Eliana da Silva. Élida conhece o alfabeto “como se fosse uma criança que frequentasse a escola lá fora; para mim, é muito gratificante e é muito bom para o desenvolvimento dela, que gosta muito de estudar”, diz sua mãe, Eda Pereira.

O hospital – administrado pela Pró-Saúde, Associação Beneficente de Assistência Social e Hospitalar, sob contrato com a Secretaria de Estado de Saúde (Sespa) – mantém desde 2014 o programa “Escolarização Hospitalar”, gerido pela Coordenadoria de Ensino e Pesquisa, que garante assistência educacional aos pequenos pacientes; eles são assistidos pela professora Silvânia de Sousa. O programa do HRBA reponde às garantias previstas pela Constituição Federal de 1988 e às normas da Lei de Diretrizes e Base da Educação.

Ampliar fonte
Contraste
Voltar para o topo da página - Pró-Saúde