Coral do Hospital de Urgência e Emergência se apresenta no Dia Mundial do Enfermo

A data foi criada em 1 de fevereiro de 1992, por iniciativa do Papa João Paulo II. Pacientes e colaboradores participaram das homenagens.

No dia Mundial do Enfermo, lembrado em 11 de fevereiro, o Coral “Somos Um”, formado por colaboradores do Hospital Estadual de Urgência e Emergência (HEUE), em Vitória, se apresentou nas Unidades de Internação e Pronto-Socorro.

Cerca de 25 profissionais de vários setores do hospital fazem parte do coral e, mensalmente, realizam apresentações nos corredores das Enfermarias, Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) e Recepções. Durante as apresentações musicais dessa terça-feira (11), a emoção tomou conta dos pacientes e acompanhantes, que aguardavam ansiosos a chegada do grupo nos leitos.

Uma dessas pacientes é a dona de casa Grazielle Santos Batista de Souza, que está internada no HEUE há cinco dias. Ela comentou que é a primeira vez que assiste a uma apresentação musical dentro de um hospital. “A música tem o poder de alcançar corações, independentemente da religião que a pessoa segue. Que esse trabalho seja multiplicado e muitas pessoas possam se alegrar durante o processo de internação”, contou a paciente.

O diretor hospitalar do HEUE, Paulo Czrnhak, destacou a importância do acolhimento dentro do ambiente hospitalar. “O objetivo da ação foi contribuir com o processo de recuperação dos nossos pacientes, utilizando a música como ferramenta para levar amor, humanização, solidariedade e atenção durante o período de internação”, afirmou.

A data

O Dia Mundial do Enfermo foi criado em 11 de fevereiro de 1992, por iniciativa do Papa João Paulo II. A data visa a sensibilizar a sociedade por melhores condições de tratamento e atenção às pessoas doentes.