Compressa quente ou fria? Saiba qual usar com orientações de especialista

Como usar compressa

Usadas no alívio de dores, desconfortos e até para diminuir hematomas, fisioterapeuta do Hospital Estadual de Urgência e Emergência explica o uso correto de compressas e a eficácia desse tipo de tratamento

As compressas frias ou quentes são um dos principais recursos no alívio de dores e embora usadas como um analgésico natural, é importante ter o cuidado correto e saber qual delas usar quando necessário. Mas afinal, qual a eficácia da compressa?

“A compressa fria tem efeito analgésico e anti-inflamatório, e pode ser usada em dores articulares, pancadas e dores crônicas. Já a compressa quente atua como relaxante muscular e trabalha na ativação da circulação local”, explica o fisioterapeuta Paulo Eduardo Gusmão.

Para o especialista, que atua pela Pró-Saúde no Hospital Estadual de Urgência e Emergência (HEUE), em Vitória (ES), são necessários alguns cuidados com a temperatura e o tempo de aplicação na pele. “O recomendado é usar a compressa no local por no máximo 20 minutos e, de preferência, enrolada em um pano evitando encostar direto na pele”, diz.

No entanto, o fisioterapeuta alerta que nos casos onde a dor persista é necessário buscar por ajuda médica para avaliação do trauma. Além disso, não é recomendado utilizar as compressas em nenhum tipo de lesão de pele que apresenta ferida aberta.

 

As diferenças entre água quente e fria em compressas

No uso de compressas, deve se tomar um cuidado especial com a temperatura utilizada para a água. No caso de compressas quentes, deve ser usada uma temperatura da água suportável ao corpo, sem risco de queimadura. No caso de compressas frias, o cuidado é o mesmo.

“A água quente dilata os vasos, contribuindo na ampliação do fluxo sanguíneo da região afetada. Já a compressa fria pode contribuir para a redução dos desconfortos comuns, como dor de dente e cólicas abdominais, principalmente em mulheres, em períodos que antecedem o período menstrual”, explica Paulo.

A compressa pode ser feita de maneira caseira, com um pano e água morna, ou também utilizando uma bolsa térmica, encontrada em farmácias. Existem ainda as bolsas de gelo, que devem permanecer congeladas na geladeira.

Ampliar fonte
Contraste