Fisioterapeutas e terapeutas ocupacionais celebram data magna no Hospital Metropolitano | Pró-Saúde
Voltar para home
Imprensa

Fisioterapeutas e terapeutas ocupacionais celebram data magna no Hospital Metropolitano

14/10/2016

Fisioterapeutas e terapeutas ocupacionais celebram data magna no Hospital Metropolitano

O Hospital Metropolitano de Urgência e Emergência (HMUE), localizado em Ananindeua (PA), reuniu os colaboradores para celebrar o dia do fisioterapeuta e do terapeuta ocupacional, comemorado na última quinta-feira, 13/10. A programação foi realizada no ambulatório da reabilitação, no intervalo entre os turnos de trabalho. Mais de 20 profissionais das duas áreas da saúde prestigiaram a confraternização. 

Sendo uma unidade de saúde que atende média e alta complexidades para vítimas de trauma e queimados, o fisioterapeuta e o terapeuta ocupacional têm funções primordiais relacionadas a reabilitação do usuário do Sistema Único de Saúde (SUS). No Hospital Metropolitano, estão à disposição 32 profissionais das duas áreas, além de quatro residentes de fisioterapia e dois terapeutas ocupacionais, do programa de residência multiprofissional. 

A coordenadora da reabilitação, a fisioterapeuta Gabriela Lima, ressaltou a vasta área de atuação dos profissionais. “Desde o momento que o paciente chega ao serviço até a alta, há intervenções do fisioterapeuta e do terapeuta ocupacional”, disse. O atendimento engloba as enfermarias e Unidade de Tratamento Intensivo, além de ambulatório de fisioterapia e terapia ocupacional que atende pacientes egressos. Gabriela explicou que os profissionais trabalham de forma conjunta. “Se há um paciente amputado, que perdeu um braço, ele não vai conseguir se vestir sozinho, comer sozinho. Quem vai reabilitar a parte funcional é o fisioterapeuta, mas quem vai devolver a aplicabilidade daquela função é o terapeuta ocupacional”, garantiu. 

Mensalmente, a área de fisioterapia realiza, em média, quatro mil atendimentos no setor de internação, tendo outros 800 atendimentos no ambulatório. A colaboradora Catharina Nasser trabalha há seis anos no Hospital Metropolitano como fisioterapeuta. No momento, atua de maneira exclusiva no Centro de Tratamento de Queimados (CTQ). “Aqui, conseguimos atender o paciente de forma eficaz, tendo liberdade para fazer o trabalho que consideramos ser o mais apropriado. Nós atuamos para reabilitar o usuário para que ele tenha uma vida pós-queimadura, porque não é um paciente que tem alta do hospital 100% reabilitado. Ele precisa do pós, do ambulatório de retorno”, explicou.  

Já a área de Terapia Ocupacional realiza cerca de 140 atendimentos no ambulatório e mais de 600 atendimentos na internação, mensalmente. A colaboradora Ivana Corpes foi residente do programa multiprofissional em Terapeuta Ocupacional. Atualmente, faz parte do quadro de terapeutas ocupacionais da unidade. “Gosto de trabalhar com os nossos usuários. Afinal, trabalhamos promovendo a saúde e, principalmente, adaptando e reabilitando os pacientes mais graves”. Ela destaca a oficina de órteses, segundo ela, um legado da residência. 

 

+ Notícias

24/01/2019 - Hospital Galileu premia profissionais mais elogiados pelos pacientes

23/01/2019 - Hospital Materno-Infantil de Barcarena participa da 1º Semana de Farmácia Hospitalar da Pró-Saúde

23/01/2019 - HEGV participa da Semana de Farmácia Hospitalar

23/01/2019 - As 10 principais ameaças para a saúde em 2019

23/01/2019 - CFM divulga que metade das prefeituras gastam menos de R$403 ao ano na saúde

21/01/2019 - Saúde: SBIm alerta os participantes da Jornada Mundial de Juventude sobre a importância da vacinação

21/01/2019 - Saúde: Ministério da Saúde brasileiro se preocupa com doença toxi-infecciosa vinda da Venezuela

21/01/2019 - Humanização durante o parto no HU fortalece vínculo entre mãe e bebê

21/01/2019 - Hospital Estadual de Urgência e Emergência conta com o serviço de Terapia Ocupacional

21/01/2019 - Pró-Saúde lança site do Hospital Materno-Infantil de Barcarena com foco na transparência dos serviços oferecidos para a sociedade

18/01/2019 - Pró-Saúde anuncia Semana de Farmácia Hospitalar com meta da Organização Mundial da Saúde

18/01/2019 - O papel do farmacêutico no ambiente hospitalar

17/01/2019 - Hospital Estadual de Urgência e Emergência realiza a 1ª Semana de Farmácia Hospitalar

17/01/2019 - IEC promove evento sobre cuidados paliativos

16/01/2019 - Saúde: Sobre o uso consciente dos antibióticos. Um desafio para a saúde pública

16/01/2019 - Metropolitano reforça a segurança da Unidade com a contratação de bombeiros civis

16/01/2019 - Com 180 mil atendimentos em 2018, Hospital Estadual de Urgência e Emergência é referência

15/01/2019 - Saúde: Incidência de picadas de escorpiões aumenta durante o verão brasileiro

14/01/2019 - Saúde: Suspeita de peste bubônica é investigada no Rio de Janeiro

14/01/2019 - Saúde: Lei institui mês de combate a hepatites virais

14/01/2019 - Hospital Oncológico Infantil recebe novos voluntários

14/01/2019 - Saúde - Para o novo governo, deputados sugerem ações para garantir melhor acesso da população à saúde pública

14/01/2019 - Saúde: Mais de 10.200 casos de sarampo foram confirmados no Brasil

11/09/2019 - Colaboradores do Hospital Estadual de Urgência e Emergência participam de atividades de gerenciamento de custos

10/01/2019 - Voluntários de projeto de passeio ciclístico adaptado no Parque do Utinga recebem orientações sobre primeiros socorros

10/01/2019 - Pró-Saúde completa um mês de gestão própria do Hospital São Luiz

09/01/2019 - Saúde: Nova proposta prevê a diminuição de riscos de eclâmpsia em gestantes

09/01/2019 - Saúde: SUS incorpora nova dosagem do medicamento para pacientes com esclerose múltipla

09/01/2019 - Saúde: SUS oferece novos procedimentos para pacientes com degeneração da retina

09/01/2019 - Colaboradores do Materno-Infantil de Barcarena recebem treinamento sobre Time de Resposta Rápida