Saúde do homem é debatida no HRPT durante o Novembro Azul

O médico urologista, Eduardo Capatti, se reuniu com colaboradores do Hospital Regional Público da Transamazônica (HRPT), gerido pela Pró-Saúde Associação de Assistência Social e Hospitalar, em Altamira (PA), para uma conversa franca. O tema foi o Novembro Azul, campanha de conscientização, prevenção e combate ao câncer de próstata.

“O câncer de próstata é uma doença curável e tratável, quando diagnosticada precocemente. A chance de cura gira em torno de 90%, mas existe tanto preconceito em relação ao exame, que grande parte dos pacientes diagnosticados já não tem essa possibilidade”, alertou o urologista. 

A próstata é uma glândula que só o homem possui e se localiza na parte baixa do abdômen. Cerca de 75% dos casos deste tipo de câncer no mundo ocorrem a partir dos 65 anos.  Além do câncer de pele, o câncer de próstata é o mais comum entre os homens. As estimativas do Instituto Nacional de Câncer (INCA) para 2018 são de cerca de 68.220 novos casos da doença.

A programação não foi somente para os homens que participaram desse momento de conscientização. As colaboradoras do HRPT foram convidadas a participar de uma palestra sobre o mesmo tema, também com o urologista. A auxiliar Administrativa da Unidade, Claudilene Sales, achou a palestra interessante e dinâmica. “O Dr. Eduardo explicou muito bem e foi bastante interativo. Cheguei lá em casa e já falei para o meu marido que ele tem que fazer o exame, pelo menos o PSA, para começar. Depois quando estiver na idade, deve fazer os outros exames que o médico explicou”, conta. 

Pacientes e acompanhantes receberam orientações em uma palestra feita pela psicóloga Wania Paula e pela nutricionista Viviany Cunha. “É muito importante que todos levem essa mensagem para suas casas, falem com seus pais, avós, familiares, amigos e sejam replicadores dessa informação, para que acabe esse preconceito e todos venham fazer o exame que pode salvar suas vidas”, explica Eduardo Capatti.

As ações da campanha Novembro Azul no HRPT incluíram ainda outras palestras ambulatoriais para o público externo, realizadas por vários profissionais da área da saúde e roda de conversa com usuários e acompanhantes. Os profissionais envolvidos foram do Serviço Especializado em Engenharia de Segurança e em Medicina do Trabalho (SESMT), ligado à Gerência de Recursos Humanos, como, também, o Grupo de Trabalho de Humanização (GTH) do Hospital.

O HRPT possui médico especialista e realiza consulta e todos os exames para detecção do câncer de próstata como toque retal, ultrassom e PSA.

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of