Pró-Saúde participa do 5° Congresso Brasileiro Médico e Jurídico, em Vitória (ES)

O 5º Congresso Brasileiro Médico e Jurídico (COMEDJUR) começou ontem, 27/09, no Centro de Convenções de Vitória, Espírito Santo. A abertura oficial contou com a participação de diversas autoridades, como o governador em exercício do Espírito Santo, César Colnago, e do desembargador do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4), João Pedro Gebran Neto.

O evento, que conta com o apoio da Pró-Saúde, prossegue até sexta-feira (29-09), debatendo temas que buscam fortalecer a conexão entre os operadores da Saúde e do Direito, visando a definição de posturas sobre temas como a judicialização da Saúde, a defesa do Sistema Único de Saúde (SUS), a ética e as formas de combater os desvios na prestação dos serviços de saúde no país.

Em sua palestra de abertura, César Colnago, governador em exercício, comentou que entre 2011 e 2017 os gastos do Estado do Espírito Santo com a judicialização cresceram 347%. “O entrosamento entre os setores da Justiça e da Saúde visa combater a má administração dos recursos do SUS”, afirmou.

A Pró-Saúde foi representada por Paulo Santos, Gerson Macagnan, Adriana Morais e Simone Tosi, diretores do Hospital Estadual de Urgência e Emergência (HEUE), e fará a cobertura jornalística do evento.

Hoje, a programação abordará temas como “Financiamento e Gerenciamento de Recursos Públicos, Desvios e Regulação na Prestação de Serviços Públicos em Saúde’’, ‘’Direito Internacional à Saúde e a Cooperação Sanitária’’ e “Gestão Pública de Saúde, a Prestação de Serviços do Terceiro Setor e as Leis 13019/14 e 13204/15”.

O diretor de Desenvolvimento da Pró-Saúde, Danilo Oliveira da Silva, será um dos palestrantes, com o tema: “Pontos Positivos e Negativos da Experiência da Gestão Pública Operacionalizada pelo Privado’’.

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of