Pró-Saúde lamenta a morte de Wanessa Portugal, CEO da entidade

A CEO da Pró-Saúde Associação Beneficente de Assistência Social e Hospitalar, Wanessa Portugal, faleceu nesta terça-feira, dia 29 de janeiro de 2019. A advogada tinha 41 anos e estava internada no Hospital Sírio-Libanês, onde lutava contra o câncer.

O corpo será velado em São Paulo, no Hospital Sírio-Libanês, nesta terça-feira (29/1), das 16h às 22h. Às 20h, ocorrerá uma missa de corpo presente que será celebrada por Dom João Bosco Óliver de Faria, Arcebispo Emérito de Diamantina (MG).

Após às 22h, o corpo será levado para Boa Esperança (MG), onde Wanessa Portugal nasceu, em 22 de janeiro de 1978. O corpo será velado nesta quarta-feira (30/1), das 5h às 16h30. Uma missa de corpo presente será celebrada às 15h. O sepultamento será realizado às 16h30.

Perfil

Wanessa Portugal tinha 41 anos e não deixou filhos. Graduou-se em Direito pela Universidade de Alfenas (UNIFENAS) e fez pós-graduação em Direito Empresarial pela Escola de Direito de São Paulo da Fundação Getúlio Vargas (FGV).

Era sócia do escritório Portugal Advogados Associados. Também atuou como secretária Geral e Diretora da Câmara de Conciliação, Mediação e Arbitragem do Centro das Indústrias do Estado de São Paulo e Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (CIESP/FIESP). Entre os anos de 2004 e 2007, trabalhou como assessora do Tribunal de Justiça do Estado de Minas Gerais (TJMG), na Comarca de Contagem (MG). 

Foi Diretora Jurídica e de Filantropia da Pró-Saúde e, em fevereiro de 2018, assumiu a Diretoria Executiva-Geral da entidade, participando ativamente de mudanças significativas para a instituição, como a nova identidade organizacional, lançada em março de 2018, e a modernização da gestão corporativa que teve como ação principal a implantação do Programa de Governança e Integridade da instituição. No último ano, Wanessa Portugal se dedicava com mais afinco na finalização de dois importantes projetos voltados para o debate sobre a saúde pública no Brasil e Compliance no setor. As publicações estavam previstas para este ano.

.