Hurso organiza Natal para vovôs

O dia 21 de dezembro de 2016 foi um dia especial para os quase 30 vovôs e vovós do abrigo Maria Madalena em Santa Helena de Goiás. A organização, que é mantida por uma entidade religiosa, recebeu a visita da Comissão de Humanização do Hospital de Urgências da Região Sudoeste (Hurso) com um pacote cheio de presentes e um lanche produzido especialmente para eles.

Todos os idosos receberam um presente em mãos dado pela psicóloga Emanueli Sperandio (vestida de mamãe noel) e pelo servidor do Departamento Pessoal, Cássio Ramos. Os presentes foram doados à Comissão por meio de uma campanha feita por um grupo de amigos de Santa Helena de Goiás, pelo projeto “Um Real, Um Natal”. Já o lanche, foi produzido pela própria Comissão que doou os ingredientes. A presidente da Comissão e fisioterapeuta Pollyanna Regina lembra que há muitos anos que o Hurso realiza ações com os da melhor idade no abrigo, e que este ano não poderia ser diferente. “Para a árvore fraterna do Natal estamos arrecadando materiais para os usuários do hospital, mas com a ajuda do grupo de amigos do Cássio pudemos realizar mais uma vez o Natal para os vovôs”. A felicidade nas palavras de agradecimentos e sorrisos no rosto de cada vovô e vovó foi a maior recompensa que poderia ter sido ganha foram as palavras ditas por Cássio ao final da Ação.

Um Real, Um Natal

“Em uma reunião de amigos surgiu a ideia de fazer algo diferente este ano, um Natal mais solidário e que pudesse ajudar o máximo de pessoas”, é como começa a história contada por Cássio Ramos, servidor do Departamento Pessoal do Hospital de Urgências da Região Sudoeste (Hurso), em Santa Helena de Goiás. Ele se uniu a mais 11 amigos e juntos começaram a divulgar nas redes sociais o projeto que levou o nome de “Um Real, Um Natal”. A ideia era que cada pessoa pudesse doar um real para tentar montar um kit simples de Natal, para assim fazer algumas famílias carentes mais felizes neste período natalino. “Não era montar cesta básica, pois isso sairia muito caro, mas sim outros produtos alimentícios e não perecíveis, que pudesse ajudar famílias carentes a ter um Natal mais alegre”. As doações foram arrecadas por dois meses e serão entregues nos dias 24 e 25 de dezembro, mas a surpresa foi mesmo o resultado, já que conseguirão fazer kits mais completos e atender 100 famílias santahelenenses de vários bairros menos favorecidos. “Chegamos, inclusive, a receber doação do exterior”, conta ele.

O projeto deu tão certo que o grupo pretende torná-lo fixo e em 2017 ajudar mais famílias necessitadas. “Queremos fazer algo maior agora e poder continuar com toda a caridade possível”, antecipa ele.

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of