Hospital São Lucas recebe reconhecimento por suas ações sustentáveis

O Hospital Estadual São Lucas, em Vitória, recebeu um troféu de reconhecimento pela adesão ao “Desafio 2020 – a Saúde pelo Clima”, coordenada pela Rede Global Hospitais Verdes e Saudáveis.

O “Desafio 2020 – a Saúde pelo Clima” tem a função de incentivar as organizações de saúde de todo mundo a realizar ações contra a mudança no clima, e em defesa da saúde pública ambiental.

A cerimônia aconteceu no dia 10 de outubro, em São Paulo, durante a 3ª Conferência Latino-americana da Rede Global de Hospitais Saudáveis, e do 10º Seminário Hospitais Saudáveis 2017.

A assistente administrativa do setor Sustentabilidade do hospital, Nanndara Alves Nonato, representou a instituição durante a cerimônia.  Segundo Nanndara, para aderir à campanha do “Desafio 2020 – a Saúde pelo Clima”, o hospital encaminhou um inventário para o Projeto Hospitais Saudáveis, com informações de consumo de energia, água, óleo diesel, resíduos e outros que contribuem para a geração de gases do efeito estufa.

Sustentabilidade no hospital

Com base no Planejamento Estratégico do hospital, que teve início no começo deste ano, o setor de Sustentabilidade idealizou algumas ações, como adesivos em todos os setores do hospital, com orientações sobre o consumo consciente de água, luz, papel para impressão e copo descartável.

“Além dos profissionais do hospital, buscamos orientar os acompanhantes dos pacientes, nas reuniões de acolhimento que acontecem todas as sextas-feiras”, explicou Nanndara.

Segundo ela, também foi inserido no Planejamento Estratégico o projeto de reciclagem de resíduos para coleta seletiva, prevista para acontecer ainda neste ano. 

Outra ação já implantada no hospital foi a troca de lâmpadas fluorescentes pelas de led (que proporcionam até 80% de economia de energia em comparação com as lâmpadas comuns).

“Todos os corredores do hospital passaram a adotar sensores de presença. Já podemos contabilizar os resultados dessas mudanças, isso porque, foi registrado uma redução de 6% na conta de luz”, afirmou André Massaria, gerente de Manutenção do Hospital São Lucas.

André afirmou que o hospital também passou a adotar painéis solares, favorecendo o sistema de resfriamento do ar-condicionado. “Essa medida contribuiu para o aquecimento da água do banho dos pacientes, promovendo a substituição de 100% do uso de gás liquefeito de petróleo (GLP)”, concluiu.  

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of