Hospital São Lucas faz simulação de incêndio em UTI

Pacientes, acompanhantes e colaboradores do Hospital Estadual São Lucas, no Forte São João, em Vitória, presenciaram uma simulação de combate a princípio de incêndio realizado pela equipe de brigadistas na última sexta-feira (07). A ação iniciou na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) C e foi finalizada no pátio das ambulâncias. Todo o processo foi acompanhado de perto pelo Corpo de Bombeiros.

Para provocar uma ação bem próxima à realidade, os brigadistas atuaram como pacientes, acompanhantes e colaboradores. Eles simularam desmaios, pintaram os braços de tinta vermelha, como se estivessem queimados.

Como parte do treino, os brigadistas tinham a função de transferir as vítimas para um local mais seguro, realizar os primeiros socorros e extinguir o princípio de incêndio, simbolizado por imagens de fogo.

O sargento do Corpo de Bombeiros João Victor Meneguelli pontuou como positiva a sintonia e a agilidade do grupo durante a primeira simulação. “A ação evidenciou que a equipe está preparada para possíveis eventualidades”, afirmou.

O coordenador da Brigada de Incêndio do hospital, Silas Vieira Hand, explicou que, atualmente, 58 colaboradores fazem parte do grupo de brigadistas, mas a proposta é que esse número amplie para 200 membros, com previsão de novas turmas para os meses de agosto e setembro. “A proposta dessa simulação é promover uma qualificação para os colaboradores, para que atuem com segurança e sejam bem-sucedidos em uma eventual ocorrência”, explicou.

Mantido pelo Governo do Estado do Espírito Santo, o Hospital Estadual São Lucas é administrado pela Pró-Saúde Associação Beneficente de Assistência Social e Hospitalar desde dezembro de 2015, por meio de um contrato de gestão com a Secretaria de Estado da Saúde.

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of