HEGV realiza reunião semanal de análise de indicadores com foco na melhoria da assistência

O Hospital Estadual Getúlio Vargas (HEGV), no Rio de Janeiro, promove uma reunião semanal para análise de indicadores. Diretores, gerente de enfermagem, coordenadores e rotinas estudam os indicadores de processo e contratuais do mês anterior, com o intuito de levantar os pontos positivos, discutir propostas e apontar soluções.

Para o diretor técnico Paulo Ricardo Costa, estas reuniões possibilitam uma maior integração da equipe assistencial. “Toda quinta-feira, os colaboradores analisam os indicadores de um setor, interagem e trocam informações que buscam sempre a melhoria na qualidade da assistência”, ressaltou.

Na análise dos indicadores da Clínica Cirúrgica, por exemplo, médicos, enfermeiros, fisioterapeutas, nutricionistas, assistentes sociais e fonoaudiólogos discutiram sobre a necessidade de implementação do projeto ‘ACERTO’ (Aceleração da Recuperação Total Pós-Operatória), nos pacientes em dieta zero que serão submetidos a um procedimento cirúrgico.

Este projeto foi idealizado com base no protocolo europeu ERAS (Enhanced Recovery After Surgery), em razão da utilização de rotinas desgastantes para o paciente cirúrgico, como o jejum no pré e pós-operatório, além do uso indiscriminado de antibióticos. “A equipe troca experiências e conhece a rotina de cada colaborador, pensando sempre no benefício do paciente”, concluiu Paulo Ricardo.