Dia da Prematuridade é lembrado com exposição no HU

Dia 17 de novembro é o Dia Mundial da Prematuridade. No Hospital Universitário (HU) de Jundiaí, a data será lembrada com uma exposição que reúne fotos de alguns bebês prematuros nascidos no hospital, que passaram por tratamento na UTI Neonatal e receberam alta hospitalar. As imagens registram os bebês na fase da prematuridade e no momento atual, no qual estão saudáveis e em plena fase de crescimento.

De acordo com a médica pediatra coordenadora da UTI Neonatal do HU, Aline Nunes Neves, a ação visa dar apoio e esperança às famílias que hoje se encontram com seus bebês internados. “É importante mostrar que outras famílias já passaram por isso e que é possível superar”, disse.

São considerados bebês prematuros aqueles que nascem com menos de 37 semanas de gestação. Segundo dados divulgados pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) em dezembro de 2016, a taxa de prematuridade no Brasil é de 11,5%. O Ministério da saúde estima que nasçam 340 mil bebês prematuros por ano.

A exposição ocorre no corredor de acesso à UTI Neonatal do HU até o final do mês e é destinada aos familiares dos pacientes internados. Além da mostra fotográfica, cada mãe recebe um body para seu bebê com o logo roxo, que é símbolo da campanha.

Dia 17 de novembro é o Dia Mundial da Prematuridade. No Hospital Universitário (HU) de Jundiaí, a data será lembrada com uma exposição que reúne fotos de alguns bebês prematuros nascidos no hospital, que passaram por tratamento na UTI Neonatal e receberam alta hospitalar. As imagens registram os bebês na fase da prematuridade e no momento atual, no qual estão saudáveis e em plena fase de crescimento.

 

De acordo com a médica pediatra coordenadora da UTI Neonatal do HU, Aline Nunes Neves, a ação visa dar apoio e esperança às famílias que hoje se encontram com seus bebês internados. “É importante mostrar que outras famílias já passaram por isso e que é possível superar”, disse.

São considerados bebês prematuros aqueles que nascem com menos de 37 semanas de gestação. Segundo dados divulgados pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) em dezembro de 2016, a taxa de prematuridade no Brasil é de 11,5%. O Ministério da saúde estima que nasçam 340 mil bebês prematuros por ano.

A exposição ocorre no corredor de acesso à UTI Neonatal do HU até o final do mês e é destinada aos familiares dos pacientes internados. Além da mostra fotográfica, cada mãe recebe um body para seu bebê com o logo roxo, que é símbolo da campanha.

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of