“Dia da Careca Maluca” anima Natal dos usuários do Oncológico Infantil

Na véspera do Natal, enquanto a maioria das pessoas arrumava a casa para celebrar a data com familiares, um grupo de tatuadores de Belém se preparava para uma ação que marcaria as suas vidas e a dos usuários do Hospital Oncológico Infantil Octávio Lobo, em Belém (PA). Com presentes, canetinhas de colorir atóxicas e desenhos, dois proprietários de um estúdio de tatuagens reuniram amigos e realizaram o “Dia da Careca Maluca”.

A ideia foi do casal Patrícia Costa e Rogério Lima, que com ajuda de amigos e clientes, resolveu transformar os sentimentos de tristeza causados pela perda de familiares para o câncer e a saudade dos sobrinhos, que mudaram de cidade neste ano, em um momento de alegria. “Perdi minha mãe em 2015 e o filho em 2005, esse seria nosso primeiro natal sem nossos sobrinhos. Resolvemos transformar esse sentimento de tristeza e solidão em alegria. Chamamos nossos clientes e pensamos em uma promoção com doação de brinquedos. Quando jogamos na rede, a aceitação foi muito rápida”, disse Patrícia Costa.

A transformação dos sentimentos do casal de voluntários veio na hora certa para Gleice Rocha, que saiu de Macapá com filho R.E.R.C. para tratamento no Oncológico Infantil. A notícia da necessidade de internação do filho veio no dia 23/12, e assim, o Natal, pela primeira vez acabou sendo dentro do hospital. “O Natal vai e vem todos os anos, mas a saúde do meu filho está em primeiro lugar. Sabia que aconteceria algo diferente porque o hospital faz o possível para trazer alegria nós”, disse a mãe, agradecida pela visita dos voluntários.

Homenagem para o filho e para a mãe

Realizar o Dia da Careca Maluca era um desejo antigo de Patrícia e Rogério. Neste ano, eles conseguiram tirar a ideia do papel e escolheram as crianças do Oncológico Infantil como uma forma de homenagem ao filho e a mãe de Patrícia. “Esse cuidado com a criança é importante e ver a esperança nos olhos deles foi como dar um presente para o meu filho. Estou realizada enquanto mãe, enquanto pessoa”, disse Patrícia. 

Além dos tatuadores, desenhos e cores, o Dia da Careca Maluca contou ainda com a presença de um mágico e de famoso casal: Papai e Mamãe Noel. Todos foram responsáveis por transformar essa véspera de Natal no Oncológico Infantil, unidade gerenciada pela Pró-Saúde sob contrato de gestão com a Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa).

Paula Viana, coordenadora de Humanização do Oncológico Infantil acredita que, além dos usuários do hospital, os voluntários também vivem momentos especiais sempre que realizam ações. “É uma alegria contarmos com ajuda de voluntários para realizarmos ações como essas. Quem se dispõe a deixar o seu Natal, deixar sua família para estar em um hospital também busca uma experiência diferente. É algo muito especial que só traz o bem”, destacou a coordenadora.  

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of