Baile de Carnaval diverte pacientes do Hospital Regional de Santarém

A alegria tomou conta dos pacientes do Hospital Regional do Baixo Amazonas (HRBA), em Santarém, nesta quinta-feira, 23/2, durante o II Grito de Carnaval realizado pela unidade. Um dos versos mais conhecidos dessa época ilustra bem a folia que envolveu pacientes, acompanhantes e colaboradores. Parafraseando a compositora Chiquinha Gonzaga podia-se dizer “ó, abre elas, porque a vida é que vai ganhar”. 

Maria Nete Gomes da Silva que o diga. Ela acompanha a filha de seis anos, que faz tratamento de leucemia na unidade. “Eu acho muito legal esse tipo de evento no hospital porque diverte as crianças, os pais e os acompanhantes. Minha filha ficou muito feliz, apesar de tudo”, contou a moradora de Juruti. 

A diretora de Enfermagem do HRBA, Daniella Mengon, explica que a iniciativa contribui para o processo de recuperação dos usuários e eleva a autoestima dos mesmos. “Essa ação é uma promoção da equipe multiprofissional que trabalha diariamente com essas crianças e compreende a necessidade de realizar eventos que levem alegria e ajudem na socialização das crianças, dos acompanhantes, dos pais e dos próprios profissionais da unidade. E o Carnaval traz alegria, comunhão com as pessoas, diversão, dança e música”, argumentou a gestora. 

Para a idealizadora do projeto, Tereza Cristina Carvalho, o resultado da iniciativa é gratificante. “Foi maravilhoso ver a segunda edição, porque as crianças entraram no clima. Elas estavam todas fantasiadas de pequenas princesas e heróis, e isso dá para elas uma representatividade social no mundo em que elas vivem. Me senti muito feliz. O sorriso delas vale tudo”, afirmou a terapeuta ocupacional.   

O II Grito de Carnaval do HRBA, que é gerido pela Pró-Saúde Associação Beneficente de Assistência Social e Hospitalar sob contrato de gestão com a Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa), contou com a parceira de um dos blocos mais tradicionais de Santarém, o Bloco da Pulga, e do grupo de pagode Sid. O evento foi realizado o hall do elevador, que foi decorada especialmente para esse momento. Pacientes de outras unidades de internação, além da Clínica Pediátrica, estiveram presentes na programação. 

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of