Instituto do cérebro ganha híbrida com novo aparelho de ressonância | Pró-Saúde
Voltar para home
Imprensa

Na Mídia

Instituto do cérebro ganha híbrida com novo aparelho de ressonância

O Fluminense

 O Instituto Estadual do Cérebro Paulo Niemeyer inaugura nesta sexta-feira (27), uma sala híbrida, que contém um aparelho de ressonância magnética dentro do centro cirúrgico. O espaço concentra o que há de mais moderno na área de neurocirurgia, permitindo que o exame de ressonância seja realizado durante a cirurgia, com o paciente ainda na mesa de operação.

Entre as vantagens, está a possibilidade de os cirurgiões sanarem dúvidas com o recurso do exame durante os procedimentos nos pacientes. Ao todo, a Secretaria de Estado de Saúde do Rio de Janeiro investiu R$ 16,7 milhões na novidade.

No novo espaço, serão realizadas cirurgias de tumores cerebrais e algumas cirurgias de epilepsia. Quando não houver necessidade do uso da ressonância durante a cirurgia, o aparelho será utilizado para os outros pacientes, permitindo a utilização plena do equipamento.

<< voltar