G1 - Paciente escreve poema para agradecer atendimento no HRBA | Pró-Saúde
Voltar para home
Imprensa

Na Mídia

G1 - Paciente escreve poema para agradecer atendimento no HRBA

 

No Hospital Regional do Baixo Amazonas (HRBA), localizado em Santarém, região oeste do Pará, uma referência em oncologia no norte do país, o que não faltam são histórias de superação inspiradoras, causos inusitados e, claro, histórias de gratidão aos médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem e todo o quadro de trabalhadores que compõem o hospital. Um desses casos é o do Luís de Sousa, que, como forma de agradecer pelo tratamento recebido no hospital, compôs um poema dedicado à equipe responsável pelo seu caso. (Leia o poema na íntegra abaixo)

A médica radioterapeuta Patrícia Mineiro foi a maior homenageada. Segundo Sousa, o modo dela tratá-lo o tocou, pois ele não esperava que fosse ganhar tamanha atenção e cuidado. “Quando eu cheguei até a doutora Patrícia, eu fiquei muito impressionado com a simplicidade, com a humildade. Aí já havia tido contato com outros servidores me tratando bem e isso me inspirou a escrever o poema”. O paciente afirma que costuma escrever poesia porque gosta, então a homenagem não poderia acontecer de outra forma.

“Eu só fiz uma consulta com ele, dessa consulta ele ficou tão feliz de ser bem recebido, de ser bem orientado (...) e ele, como um poeta, se inspirou”, comentou a médica, que diz se sentir honrada com a homenagem. “A gente nunca espera. A gente espera um obrigada, que a pessoa fique feliz em ser bem atendida, mas um poeta desse a gente nunca aguarda”, falou

Segundo Patrícia, foi a primeira vez que recebeu um agradecimento do tipo. Ela conta que já houve agradecimentos formais, mas nunca um tão gentil e atencioso. “Quando os pacientes me agradecem, eles agradecem com um sorriso, um obrigada. Cada um tem um dom e cada um agradece do jeito que consegue. E eu quero agradecer também. Aos meus pacientes, a equipe administrativa, da enfermagem e todos os técnicos da radioterapia do HRBA, a doutora Izabel Campos, obrigada”.

O paciente, que tem 69 anos e é natural de Boa Vista, capital do estado de Roraima, iniciou o tratamento no HRBA há pouco tempo e ficou surpreso com o acolhimento da equipe do hospital. Ele, que trabalhou como motorista em Santarém durante boa parte da vida, escolheu fazer o tratamento na cidade, onde possui parentes, e escolheu o HRBA para realizar os procedimentos contra um câncer de próstata.

Humanização do tratamento
A médica afirma que esse tipo de retribuição é resultado da humanização no atendimento aos pacientes, que faz com que eles se sintam confortáveis e agradecidos. “A gente não quer humanização só no papel, a gente quer humanização de verdade. É se importar realmente com a pessoa que ‘tá’ do seu lado, não tratar como mais um paciente, tratar como aquele paciente”, ela explicou, afirmando que boa parte dessa sensação de acolhimento se deve ao modo como os procedimentos são explicados e feitos, da atenção dada ao tratamento de cada paciente. Para ela, não deveria haver a banalização do trabalho, de ser apenas mais um paciente, mais um câncer, mais um tratamento.

“A humanização de toda equipe do setor de radioterapia é muito importante, eu me sinto muito feliz de trabalhar num hospital e num setor que funciona dessa forma. A gente não sabe trabalhar de outro jeito”, completa Patrícia, destacando a importância da dedicação dos profissionais em relação aos pacientes, mostrando que isso faz sim diferença.

Luís tem câncer de próstata, um dos que mais atinge os homens, mas não é o que mais mata, portanto, as chances de seu tratamento ter resultados positivos são grandes. O tratamento com radioterapia deve durar dois meses, com sessões diárias, seguindo então para a oncologia clínica, que dura cerca de dois anos e mais cinco anos de acompanhamento para que haja certeza que o organismo dele está totalmente livre do câncer. “É muito bom e gratificante quando encontramos pessoas assim, simples e acolhedoras, em nossa vida. Isso toca ao coração e nos motiva ainda mais em acreditar e lutar pela vida”, finaliza o paciente.

Simplicidade Que Encanta
Luís de Sousa

Eu já fiz muitos poemas
Em hospital o primeiro
Encontrei gente humilde
Que encanta o dia inteiro
Pessoa muito querida
Que aqui é conhecida
Doutora Patrícia Mineiro

Patrícia Mineiro é o nome
Doutora, a profissão
Trabalha no hospital
Gosta de interação
Eu não sei seu endereço
Mas com certeza conheço
O seu lindo coração

Patrícia, nossa Doutora
Eu preciso lhe dizer
Hospital de referência
Fico feliz em saber
Que mesmo estando doente
Estou ganhando um presente
Ser tratado por você.

Doutora, cuide de mim
Peço que Deus lhe ajude
Ele conhece teu jeito
E as tuas atitudes
Patrícia, eu sou sincero
No momento o que eu mais quero
É minha plena saúde

Garanto que te amamos
Por tua simplicidade
Pois trabalhas com amor
E muita serenidade
Tira dos teus pacientes
Por mais que estejam doentes
Risos de felicidade

Percebi como nos trata
Sei que é abençoada
Está escrito em Mateus
De Jesus a caminhada
Quando saiu do seu templo
Patrícia você é exemplo
Está na Bíblia Sagrada

Que gente maravilhosa
Encontrei neste hospital
Percebi, não discriminam
Qualquer classe social
Creio Deus é soberano
E pra você tem um plano
Na vida Celestial

Creio no criador
Um ser cheio de bondade
Se tens nosso Deus por certo
Muita fé e humildade
Você com esse jeitinho
Está trilhando o caminho
Destino à Eternidade

Amor, palavra divina
Transforma trevas em Luz
Lembre quem nunca pecou
E por nós morreu na Cruz
Se você compartilhar
Futuramente estará
Na presença de Jesus

Esta é nossa homenagem
Em forma de gratidão
Patrícia, isso foi feito
Do fundo do coração
Trabalhando desse jeito           
Sem racismo e preconceito
Tens por certo a Salvação

Parabéns aos servidores
A cada profissional      
Os meus agradecimentos
De uma forma geral
Grato pela humildade
Desta grande unidade
Chamada Hospital Regional

<< voltar