Pró-Saúde - Associação Beneficente de Assistência Social e Hospitalar
Voltar para home
Mensagens
Mensagem Dia Mundial do Doente

11/02/2015

A mensagem do Santo Padre o Papa Francisco para o Dia Mundial do Doente, instituído por São João Paulo II, e celebrado em 11 de fevereiro, nos convida a meditar: “Eu era os olhos do cego e servia de pés para o coxo” (Jó 29, 15).

Sua Santidade exorta para a sabedoria própria de corações cheios de misericórdia e de bons frutos; disposto a servir o irmão; de estar com o irmão; de sair de si ao encontro do irmão; de ser solidário com o irmão, sem o julgar. “A caridade precisa de tempo. Tempo para cuidar dos doentes e tempo para os visitar. Tempo para estar junto deles, como fizeram os amigos de Jó. Mas, dentro de si mesmos, escondiam o juízo negativo acerca dele: pensavam que a sua infelicidade fosse o castigo de Deus por alguma culpa dele. Pelo contrário, a verdadeira caridade é partilha que não julga, que não tem pretensão de converter o outro; está livre daquela falsa humildade, que, fundamentalmente, busca aprovação e se compraz com o bem realizado”.

Todos os anos, o Dia Mundial do Doente nos incita à reflexão sobre aquele que mais necessita e o que merece nossa atenção. Na festa litúrgica de Nossa Senhora de Lourdes, dirijo-me com especial carinho a todos que assistem os doentes. Médicos, enfermeiros, técnicos de saúde, atendentes, cuidadores, trabalhadores de hospitais, UPAs, serviços de urgência, casas de saúde, postos de saúde e centros de repouso. O tratamento é essencial e deve sempre vir acompanhado do gesto de caridade. Somente o acolhimento e a solidariedade podem trazer o justo conforto àqueles que sofrem de enfermidades físicas e emocionais.

As sábias palavras do Papa são um convite fascinante. “Mesmo quando a doença, a solidão e a incapacidade levam a melhor sobre nossa vida de doação, a experiência do sofrimento pode tornar-se lugar privilegiado da transmissão da graça e fonte para adquirir e fortalecer a sapientia cordis. Todas as pessoas imersas no mistério do sofrimento e da dor, se acolhido na fé, podem tornar-se testemunhas vivas duma fé que permite abraçar o próprio sofrimento, ainda que o homem não seja capaz, pela própria inteligência, de o compreender até ao fundo”.

Assim como o Papa, invoco a proteção materna de Maria, Sede da Sabedoria, que interceda como nossa Mãe por todos os doentes e profissionais que cuidam deles. Que Maria, na memória da Senhora de Lourdes, esteja ao lado de todos, ela que é invocada como “saúde dos enfermos” e “consoladora dos aflitos”; ela que esteve aos pés da cruz estará sempre ao lado de cada pessoa que sofre.

Que Nosso Senhor continue ouvindo nossas preces e iluminando nosso caminho nos desafios de trabalhar para a melhora da saúde no Brasil.

Deus os abençoe!

 

Dom Eurico dos Santos Veloso 
Arcebispo Emérito de Juiz de Fora
Presidente da Pró-Saúde Associação Beneficente de Assistência Social Hospitalar


Leia também

08/02/2019 - Dia Mundial do Enfermo

06/02/2019 - A nossa vocação!

01/02/2019 - O caminho do profeta!

30/01/2019 - Uma semente que cai em terra fértil

01/01/2019 - Feliz ano novo

25/12/2018 - Feliz Natal e próspero Ano Novo

18/10/2018 - Dia do Médico

19/09/2018 - SUS, antes de tudo, um ato de amor

25/08/2018 - Dia Nacional da Educação Infantil

05/08/2018 - Dia Nacional da Saúde

03/08/2018 - Dia do Padre

26/07/2018 - Dia dos Avós

19/07/2018 - Dia da Caridade

13/07/2018 - Dia de São Camilo de Léllis

10/07/2018 - Testemunhas do Senhor Jesus!

17/05/2018 - Os anjos da Enfermagem

13/05/2018 - Dia das Mães

27/04/2018 - Dia do Trabalhador

02/04/2018 - Carta de pêsames para Dom Wilson Luis Angotti Filho

07/03/2018 - Nova marca da Pró-Saúde